PUBLICIDADE
Logo do

Vasco

Meu time

Presidente do Náutico garante presença de policiamento e realização da partida com o Vasco

Ao L!, Edno Melo confirma que houve reunião nesta sexta-feira (21) na qual, além de contingente de PMs, foi definido o número de seguranças para serem contratados

22 out 2021 14h50
| atualizado às 14h52
ver comentários
Publicidade

O presidente do Náutico, Edno Melo, assegurou que a partida com o Vasco será realizada neste domingo (24), nos Aflitos. Em contato rápido com o LANCE!, o dirigente confirmou uma reunião com a Polícia Militar e destacou que haverá contingente para garantir a segurança em torno da partida válida pela Série B.

'O jogo acontecerá sem maiores problemas', declarou o dirigente do Timbu (Foto: Julio Jacobina/DP)
'O jogo acontecerá sem maiores problemas', declarou o dirigente do Timbu (Foto: Julio Jacobina/DP)
Foto: Lance!

- O jogo acontecerá sem maiores problemas. O Governo de Pernambuco confirmou que vai disponibilizar o número de policiais militares para a partida. Além disto, na reunião hoje, também solicitou um número de seguranças para serem contratados - disse.

Além do policiamento, a previsão é de que 120 seguranças trabalhem no jogo entre o Timbu e o Cruz-Maltino. A partida corria o risco de não acontecer neste fim de semana.

Entenda o caso

Na quinta-feira passada (21), a CBF enviou um ofício à Federação Pernambucana de Futebol (FPF) na qual ameaçou retirar todas as partidas do estado caso o Governo do Estado não garantisse a presença da Polícia Militar em campo.

De acordo com o presidente da Federação Pernambucana, Evandro Carvalho, a decisão passaria a valer para o confronto entre Náutico e Vasco, pela 31ª rodada da Série B.

A decisão da CBF aconteceu dias após torcedores do Santa Cruz invadirem o campo da Arena Pernambuco e perseguiram jogadores na partida na qual a equipe foi eliminada pelo Floresta, na fase eliminatória da Copa do Nordeste.

Lance!
Publicidade
Publicidade