PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Volante moderno, jovem Vinicius Zanocelo assina com o Santos por duas temporadas

Atletas de apenas 20 anos vem da Ferroviária por empréstimo e com expectativas grandes de se transferir rápido à Europa

4 jun 2021 21h56
| atualizado às 21h56
ver comentários
Publicidade

O Santos tem um novo meio-campista para a disputa do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana. O jovem volante Vinicius Zanocelo, de 20 anos, assinou contrato nesta sexta-feira até 31 de maio de 2023, com opção de compra e passe fixado. Veio da Ferroviária por empréstimo, sob enorme recomendação e com expectativas grandes de se transferir rápido à Europa pelo alto potencial.

Zanocelo é o típico camisa 8 que tem ótima visão de jogo, trabalha bem nos desarmes e adora chegar forte ao ataque. Ele já fez o primeiro treino com os novos companheiros em Santos, nesta sexta-feira, mas não apareceu no BID e está fora do jogo contra o Ceará, na Vila Belmiro, pelo Brasileirão.

Volante moderno, jovem Vinicius Zanocelo assina com o Santos por duas temporadas.
Volante moderno, jovem Vinicius Zanocelo assina com o Santos por duas temporadas.
Foto: Divulgação/Santos FC / Estadão

Tem tudo para estrear na terça-feira, também na Vila Belmiro, em jogo de volta com o Cianorte pela Copa do Brasil. O Santos fez 2 a 0 no norte do Paraná e tem enorme vantagem, o que pode fazer o técnico Fernando Diniz rodar o elenco e observar os novos reforços. Além de Zanocelo, o Santos trouxe Moraes e Danilo Boza, ambos do Mirassol.

"A camisa do Santos é muito pesada, camisa do extraterrestre, do maior do planeta, que é o Pelé. Entre outros jogadores, a gente sabe o quanto o Santos revela entre Neymar e vários outros. É uma grande honra", afirmou Zanocelo.

O jovem aproveitou para revelar suas pretensões na nova casa. "Pode esperar um jogador que gosta de vencer, que veio para brigar por títulos com a camisa do Santos. Venho com muita vontade, com muita gana para vencer", prometeu.

Zanocelo brigará por uma vaga no meio com Jean Mota e Vinícius Balieiro. Os concorrentes vêm se revezando na posição, mas não conseguem se efetivar, o que abre caminho para ele se fixar caso renda em alto nível como fez na Ferroviária.

Estadão
Publicidade
Publicidade