0

Sasha pede manutenção do elenco: "Tem que manter 80 ou 90% do grupo"

19 nov 2019
09h06
atualizado às 09h06
  • separator
  • 0
  • comentários

Um dos destaques do Santos na temporada, Eduardo Sasha disse que o grupo não foi informado sobre a situação do técnico Jorge Sampaoli, que não tem a permanência garantida para 2020, mas pediu que a base do time seja mantida.

Sasha se atentou ao planejamento do Santos para a próxima temporada (Foto: Ivan Storti/SFC)
Sasha se atentou ao planejamento do Santos para a próxima temporada (Foto: Ivan Storti/SFC)
Foto: Gazeta Esportiva

"Com a gente não foi conversado nada, até porque é uma coisa de planejamento da direção com o treinador. A gente está focado nesse final de campeonato para terminar na melhor classificação possível. O desejo, não só meu, mas dos companheiros e da torcida, é que o planejamento de 2020 seja bem feito para que a gente possa conseguir voos maiores", disse.

"No futebol, o planejamento é fundamental para conseguir sucesso, que são títulos. Esse ano teve uma mudança muito grande, não só no comando por ter uma forma diferente de pensar aqui no Brasil. Muitos jogadores novos vindos para o time, se criou uma base muito forte de elenco. Tem que manter 80%, 90% do grupo e a ideia que foi construída durante o ano. É importante para começar um 2020 mais adaptado na forma de trabalhar e com um elenco mais entrosado", completou.

Por fim, o atacante minimizou a polêmica instaurada após as chegadas de Jorge Jesus, comandante do Flamengo, e Jorge Sampaoli, que trouxeram novas ideias para o futebol brasileiro e tem tido êxito em seus trabalhos.

"Cada treinador tem seu modo de trabalhar, ninguém está ultrapassado. São pensamentos diferentes. No Brasil, às vezes, o treinador pode ser bom, ter coisas novas, mas, se não vier o resultado, a demissão é uma coisa certa. Tem treinadores muito bons, ninguém está ultrapassado, apenas são ideias diferentes que ele trouxe para o Santos", finalizou.

O Peixe é o terceiro colocado do Campeonato Brasileiro, com 65 pontos, e pode garantir presença matematicamente na fase de grupos da Copa Libertadores na próxima rodada.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade