PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul
Logo do Santos

Santos

Favoritar Time

Saiba em quanto o Santos multou Soteldo pela expulsão contra o América-MG

Além da medida da instituição, o camisa 10 pode enfrentar duro gancho

6 set 2023 - 09h18
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Lance!

Foto: Lance!

Soteldo lida com consequências da expulsão na partida do Santos contra o América-MG, pela 21ª rodada do Brasileirão. Além da suspensão automática para o confronto contra o Cruzeiro, no dia 14 de setembro, o Peixe multou o camisa 10.

Diante do ato de indisciplina do jogador, que xingou o árbitro da partida, o clube do litoral paulista aplicou uma punição no valor de R$ 100 mil para o meia-atacante. A informação foi divulgada inicialmente no "Canal do Ricardinho Martins" e confirmada pela reportagem do Lance!.

E TEM MAIS PUNIÇÃO?

Na súmula da partida, o juiz Leandro Pedro Vuaden descreveu as palavras ditas venezuelano, proferidas na reta final do segundo tempo.

- Expulsei (Soteldo) com cartão vermelho direto por, após receber um cartão amarelo, proferir as seguintes palavras: 'Faz tempo que só apita contra nós, c..., vai se f...' - relatou o árbitro.

Conforme prevê o Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), desrespeitar membros da equipe de arbitragem ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões tem como penalidade a suspensão de uma a seis partidas, ou de 15 a 180 dias.

Este episódio de Soteldo não é isolado. Na primeira rodada do Campeonato Brasileiro, o jogador também xingou o juiz, foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e teve que cumprir duas partidas de suspensão na competição.

BATEU AQUELE ARREPENDIMENTO…

Em sua rede social, o camisa 10 do Santos pediu perdão pela infração cometida no final do duelo e pelas consequências que o cartão vermelho irá gerar.

- Quero pedir desculpas para todos os santistas. Foi um momento em que estava muito quente. Até agora estou entrando em noção a m... que fiz. Prometo que não vai acontecer de novo - lamentou Soteldo.

* Gabriel Teles colaborou sob supervisão de Vinicius Perazzini

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Publicidade