PUBLICIDADE
Logo do Santos

Santos

Favoritar Time

Patati fica fora do duelo contra o Operário por opção técnica

Titular nos últimos quatro jogos, atacante foi cortado da lista de relacionados por indisciplina e desempenho abaixo nas últimas partidas

14 jun 2024 - 12h48
Compartilhar
Exibir comentários
Foto : Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC - Legenda: Patati fica fora do duelo contra o Operário por opção da comissão técnica
Foto : Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC - Legenda: Patati fica fora do duelo contra o Operário por opção da comissão técnica
Foto: Jogada10

Titular nos últimos quatro jogos do Santos, o atacante Weslley Patati está fora do embate contra o Operário, nesta sexta-feira (14), às 19h, em Ponta Grossa, pela 10° rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Contudo, o jogador estará ausente não por suspensão ou lesão, mas por opção da comissão técnica.

Na versão do Peixe, com Guilherme de volta após se recuperar de lesão e Otero à disposição após ficar fora da Copa América, Patati volta ao fim da fila por uma vaga no ataque. Contudo, o corte do atacante acontece justamente em uma semana conturbada e cheia de polêmicas do jogador.

Após o jogo contra o Novorizontino, Patati postou uma foto nas redes sociais reclamando da viagem de seis horas que o elenco fez de ônibus para voltar à Baixada. A reclamação transformou-se em uma multa salarial e um puxão de orelha da diretoria. Além disso, o seu desempenho também vem deixando a desejar.

De acordo com a comissão técnica, o atacante já perderia a vaga no time por questões técnicas, já que não vem rendendo o esperado. Além disso, não tem participado das criações de jogadas na frente. Por fim, seus últimos jogos, com tomadas de decisões erradas, sem conseguir aproveitar sua velocidade, também vem sendo questionada.

Patati também fica fora por questões disciplinares

A questão disciplinar também acabou sendo levada em conta. Patati expôs a diretoria e o elenco com a postagem reclamando sobre a viagem de ônibus e, por isso, foi punido financeiramente. No CT Rei Pelé, o garoto recebeu um puxão de orelha e, dias depois, foi cobrado pela Torcida Jovem. Assim, a diretoria decidiu deixar o atacante fora não só para preservar o atleta, mas também para dar uma lição de disciplina.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade