0

Bryan Ruiz explica por que não rescindiu contrato com o Santos

9 set 2019
14h20
atualizado às 17h14
  • separator
  • 0
  • comentários

Bryan Ruiz concedeu entrevista nesta segunda-feira a duas emissoras da Costa Rica - Teletica Deportes e Deportes Repretel -, e falou sobre a situação incerta no Santos. O contrato vai até dezembro de 2020 e o meia de 34 anos não está nos planos do técnico Jorge Sampaoli.

Bryan Ruiz fala sobre situação no Santos (Ivan Storti/SFC)
Bryan Ruiz fala sobre situação no Santos (Ivan Storti/SFC)
Foto: Gazeta Esportiva

O Peixe tentou por mais de uma vez um acordo amigável pela rescisão do contrato, mas não conseguiu. De acordo com o Bryan, o entrave é o Alvinegro honrar compromissos.

"Não chegamos a uma rescisão amigável porque Santos precisa dar o primeiro passo, cumprir com coisas que não cumpriu (financeiramente). Até cumprir espero uma solução", disse Bryan Ruiz, antes de prever a permanência no Peixe pelo menos até dezembro.

"Quero solução o mais rápido possível. Santos tem que tomar decisão, precisamos de um acordo que não ocorreu. Três meses serão difíceis até a janela (de transferências). Que em dezembro possamos chegar a uma solução", completou.

Bryan Ruiz atuou por 78 minutos em amistoso da Costa Rica contra o Uruguai na última sexta-feira. Sua seleção perdeu por 2 a 1 em San José.

"Treino normal, com a primeira equipe. Tenho a programação da semana e Sampaoli falou que vou treinar com ele enquanto estiver. Treino com o primeiro nível e é importante. Me sinto bem em campo, treinar assim me mantém em forma", afirmou o armador.

"Meus companheiros brasileiros são um pouco frios nessa situação, falo um pouco com os latinos. Não compartilho muito desse assunto. Futebol é assim, tive quatro meses em Portugal e voltei ao time. Sou paciente, gosto de fazer as coisas bem. Faço nada mal e que as coisas deem certo", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade