PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Herói do tri, Deyverson tatua troféu da Libertadores

Atacante afirmou que foi predestinado ao marcar o gol da vitória contra o Flamengo

2 dez 2021 09h48
| atualizado às 11h00
ver comentários
Publicidade

O nome de Deyverson ficará na história do Palmeiras. O gol decisivo na final da Libertadores saiu de seus pés e o jogador quis marcar o feito em sua pele.

Deyverson comemora o título da Libertadores
Deyverson comemora o título da Libertadores
Foto: Nayra Halm/FotoArena / Estadão

"Predestinado" foi a palavra escolhida por ele para ser tatuada abaixo da taça do torneio e do troféu de melhor jogador da partida.

"Quando está predestinado a acontecer, acontece. Não importam as dificuldades, crises, discussões e problemas. O destino muitas vezes é implacável e nos guarda coisas que jamais esperaríamos naquele momento, mas que sempre lutamos muito para conquistar", escreveu o jogador no Instagram.

"Essa tatuagem é para deixar registrada a história. A história que eu quero contar para minhas filhas e que todos os pais palmeirenses também vão poder contar para os seus sobre esse momento de muita alegria", acrescentou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Flamengo.

O meio-campista rubro-negro, Andreas Pereira, se posicionou para iniciar a construção da jogada, mas foi surpreendido pela marcação do atacante palmeirense, que roubou a bola e rumou livre para a área adversária.

Agora, o Palmeiras tem mais dois compromissos pelo Campeonato Brasileiro, contra o Athletico-PR e o Ceará. A maioria do elenco ganhou férias e está focado no Mundial de Clubes.

A equipe estreia na competição no dia 8 de fevereiro, às 13h30 (de Brasília), contra o vencedor do duelo entre Al Ahly, do Egito, e Monterrey, do México.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade