0

Bruno H. faz 2, Palmeiras supera expulsão e vence Ceará

Com dois gols de Bruno Henrique, que completou 30 anos neste domingo, o Verdão jogou com um a menos todo o segundo tempo

21 out 2018
18h03
atualizado às 18h46
  • separator
  • 0
  • comentários

O Palmeiras é mais líder do que nunca no Campeonato Brasileiro. Com dois gols de Bruno Henrique, que completou 30 anos neste domingo, o Verdão jogou com um a menos todo o segundo tempo, e conseguiu vencer o Ceará por 2 a 1 no Pacaembu. Agora, o Alviverde seca os rivais Internacional e Flamengo para manter os seis pontos de vantagem conquistados na liderança do Brasileirão.

Bruno Henrique do Palmeiras comemora seu gol. Partida entre Palmeiras e Ceara, valida pela 30a rodada do Campeonato Brasileiro 2018, realizada no Estadio do Pacaembu, na zona central da capital paulista, neste domingo (21).
Bruno Henrique do Palmeiras comemora seu gol. Partida entre Palmeiras e Ceara, valida pela 30a rodada do Campeonato Brasileiro 2018, realizada no Estadio do Pacaembu, na zona central da capital paulista, neste domingo (21).
Foto: Gero Rodrigues/O Fotografico / Gazeta Press

Durante a semana, Dudu, que assistiu o primeiro tempo do banco de reservas já havia avisado: o Alviverde esperava mais dificuldade diante do Vozão do que contra São Paulo e Grêmio, seus jogos anteriores. E a preocupação se justificou desde os primeiros minutos.

O Ceará começou melhor o jogo e conseguiu assustar o goleiro Weverton com boas finalizações e levantamentos para a área. O domínio mandante só foi retomado quando a equipe ficou à frente no placar.

Aos 14 minutos, Hyoran cobrou escanteio, Willian desviou de cabeça e Edinho fez o corte com a mão. Depois de muita reclamação dos palmeirenses, o árbitro consultou o auxiliar de linha de fundo e marcou o pênalti. Na cobrança, o aniversariante Bruno Henrique bateu no meio do gol e abriu o marcador.

Bruno Henrique, jogador do Palmeiras, comemora seu gol durante partida contra o Ceará, válida pela trigésima rodada do Campeonato Brasileiro 2018.
Bruno Henrique, jogador do Palmeiras, comemora seu gol durante partida contra o Ceará, válida pela trigésima rodada do Campeonato Brasileiro 2018.
Foto: JALES VALQUER/FramePhoto / Gazeta Press

O placar aberto fez o jogo se desenhar como mostra a tabela de classificação do Brasileirão: um duelo do líder contra uma equipe que luta para fugir da zona de rebaixamento. E com 34 jogados, Bruno Henrique deu mais um presentão para a torcida ao receber na intermediária, adiantar a bola com a sola da chuteira e mandar uma bomba cruzada de perna direita para ampliar a vantagem alviverde.

Deyverson complica o Verdão

O jogo era mais do que tranquilo para o Palmeiras até os minutos finais do primeiro tempo, quando o destempero de Deyverson quase colocou tudo a perder. Após Felipe Melo sofrer falta não marcada pela arbitragem, o centroavante deixou o pé na barriga de Richardson e foi expulso pela terceira vez na temporada.

Ao deixar o campo, o camisa 16 pediu desculpas aos torcedores e foi aplaudido, diferente de Lisca. Reclamando muito com a arbitragem, o treinador do Ceará foi xingado pela torcida, se virou para as arquibancadas com as mãos na cintura e observou. Na sequência, o 'Doido' foi expulso, deixou o campo discutindo com os palmeirenses e fez gestos de "roubo" com as mãos.

Melhor para o Ceará, que perdeu seu comandante, mas atuou todo o segundo tempo com um jogador a mais. Mesmo com o cartão vermelho, Felipão optou por não mexer na sua equipe e quase foi premiado nos primeiros minutos da etapa final, mas o Verdão desperdiçou dois contra-ataques claros em superioridade numérica.

E pouco após o segundo contragolpe, o Ceará colocou ainda mais fogo no jogo. Leandro Carvalho recebeu pela direita, foi para cima da marcação e conseguiu cruzamento rasteiro para Arthur Cabral, que, sozinho, empurrou para o fundo das redes.

Felipão, que já havia trocado Mayke por Jean por conta de um problema físico do camisa 2, lançou Dudu em campo na vaga de Hyoran. O camisa 7 entrou bem no jogo e o Verdão conseguiu equilibrar as ações apesar dos 10 em campo, mas foi o Vozão quem seguiu melhor na partida.

FICHA TÉCNICA 

PALMEIRAS 2 x 1 CEARÁ

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data: 21 de outubro de 2018, domingo

Horário: 16 horas (Brasília)

Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro - GO

Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (GO) e Cristhian Passos Sorence

Público: 33.355 pagantes (36.323 total)

Renda: R$ 1.178.690,00

Cartões amarelos: Bruno Henrique, Lucas Lima, Mayke e Hyoran (PALMEIRAS); Samuel Xavier e Richardson (CEARÁ)

Cartão vermelho: Deyverson (PALMEIRAS)

GOLS:

PALMEIRAS: Bruno Henrique, aos 17 e 34 minutos do primeiro tempo

CEARÁ: Arthur, aos nove da etapa final

PALMEIRAS: Weverton; Jean (Mayke), Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique (Moisés) e Lucas Lima; Willian, Hyoran (Dudu) e Deyverson

Técnico: Luiz Felipe Scolari

CEARÁ: Everson; Samuel Xavier, Luiz Otávio, Tiago Alves e Felipe Jonatan (Ricardinho); Edinho (Ricardo Bueno), Richardson, Calyson, Juninho Quixadá (Felipe Azevedo) e Leandro Carvalho; Arthur

Técnico: Lisca

Veja também:

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade