0

Rafaela Silva recebe honraria destinada a campeões olímpicos no judô

19 set 2016
17h02
  • separator
  • 0
  • comentários

O ouro conquistado nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro segue rendendo frutos à judoca Rafaela Silva, da categoria até 57kg. Desta vez, a carioca recebeu uma honraria da Federação Internacional.

Leia mais:

Escola no Rio de Janeiro é batizada em homenagem à judoca Rafaela Silva

A partir de seu próximo compromisso, que será o Grand Slam de Tóquio, em dezembro, Rafaela terá seu nome escrito em dourado no quimono. Esta homenagem é concedida aos atletas que conquistam o título olímpico, caso da brasileira. Normalmente, a cor utilizada é o azul. Os campeões mundiais também costumam receber a honraria, mas na cor vermelho.

Silva falou sobre a honraria recebida. "A responsabilidade aumenta. Sempre que eu competir agora, vão saber que eu sou campeã olímpica", declarou a judoca, de 24 anos, que também foi campeã mundial, em 2013. Ela brincou sobre as cores de sua identificação: "Vou fazer um quadro com o azul, o vermelho e agora o dourado".

Nos Jogos do Rio, Rafaela foi a responsável por ganhar o primeiro dos sete ouros do Brasil. Na decisão, ela superou Dorjsürengiin Sumiyaa, da Mongólia. Antes disso, ela já havia vencido quatro lutas.

Além de Silva, o País ainda levou duas medalhas nos Jogos do Rio. Mayra Aguiar, na categoria até 78kg, e Rafael Silva, no peso pesado (acima de 100kg), ficaram em terceiro lugar, levando o bronze.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade