0

Tite tem lesão e médico da Seleção brinca: 'Situação inédita na carreira'

Mancando, treinador tem dificuldade para andar por conta de problema muscular na coxa esquerda, que sofreu na comemoração do primeiro gol do Brasil contra a Costa Rica

23 jun 2018
11h32
atualizado às 12h13
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Chamou atenção no treino da Seleção Brasileira neste sábado em Sochi a situação de Tite. O treinador teve um problema muscular na perna esquerda ao comemorar o gol de Philippe Coutinho, primeiro do Brasil contra a Costa Rica na última sexta. Neste sábado, ele voltou a comandar uma atividade e passou a maioria do tempo mancando, com dificuldade para abaixar e levando a mão no local do problema. Após a partida, ele brincou com a situação, assim como o médico da Seleção Rodrigo Lasmar.

- Estamos numa situação onde até o treinador se lesionou, né? Isso é inédito na minha carreira. Ele teve uma lesão na parte posterior da coxa esquerda, mas nada que nos preocupe, porque o mais importante para ele é a cabeça (risos). Mas ele está fazendo um trabalho melhor na fisioterapia - afirmou Rodrigo Lasmar, em entrevista coletiva neste sábado.

Tite acabou se lesionando em comemoração de gol de Philippe Coutinho (Foto: Chistophe Simon/AFP)
Tite acabou se lesionando em comemoração de gol de Philippe Coutinho (Foto: Chistophe Simon/AFP)
Foto: Lance!

Ederson derrubou Tite em festa (Imagem: Reprodução de internet)

A Seleção Brasileira se reapresentou em Sochi após a vitória por 2 a 0 sobre a Costa Rica em São Petersburgo. O treino foi apenas para quem não disputou a partida ou apenas parte dela. As exceções foram Danilo e Douglas Costa, desfalques da atividade. O lateral-direito foi cortado pouco antes do jogo por conta de um problema no quadril, dando lugar a Fagner, enquanto o atacante entrou no intervalo no lugar de Willian e sentiu uma lesão muscular na coxa esquerda. Ambos serão desfalques contra a Sérvia na quarta.

Os demais reservas foram a campo e fizeram um trabalho físico e depois técnico. Dos titulares, apenas Casemiro e Paulinho correram em volta do gramado, mas sem fazer atividade com bola. Depois do treino, os jogadores foram liberados para uma folga e só se reapresentam neste domingo na hora do almoço. Os lesionados seguirão em tratamento médico intensificado, sem folga.

A Seleção treina neste domingo às 9h30 de Brasília e na segunda faz mais uma atividade em Sochi antes de viajar a Moscou, onde encara a Sérvia na próxima quarta-feira.

Veja também:

Editor do L! analisa sorteio de mando na final da Taça Rio
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade