0

Nunca expulso, volante Bonilha ressalta estilo de jogo focado na saída de bola

Atleta reforça também seu comportamento defensivo voltado para a roubada de bola como principal motivo da estatística zerada em cartões vermelhos

3 out 2019
18h08
  • separator
  • 0
  • comentários

Treze vezes titular com a camisa do Oeste na atual Série B, o volante Bonilha foi considerado um dos melhores jogadores em campo no empate em 1 a 1 com o Paraná no último sábado (28).

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Lance!

Formado na base do Fluminense, o jogador de 23 anos comentou a sua última atuação e ressaltou ainda o que tenta impor ao time quando está em campo.

- Tenho a minha autocrítica e creio que fiz uma grande partida. Mesmo sendo um volante, gosto de ter a bola comigo, distribuir o jogo de maneira ofensiva e não apenas tocar de lado. Para a equipe ter um bom volume, é importante que a saída de bola aconteça com qualidade. É isso o que tento fazer quando atuo no meio - declarou.
E se com a bola nos pés Bonilha busca sempre jogar verticalmente, no aspecto defensivo o carioca afirma ser adepto de uma marcação inteligente, em vez do tradicional recurso de "parar a jogada". O atleta acredita que essa seja a razão, inclusive, para jamais ter sido expulso numa partida oficial:

- Sei que a principal função de um volante é marcar, dar combate ao meio campo adversário, mas existem duas formas de se fazer isso, roubando a bola ou parando a jogada. Sempre preferi a primeira opção, pois ela além de impedir o avanço do rival, também nos proporciona a possibilidade de iniciarmos um contra-ataque e pegarmos o oponente desprevenido. Creio que o fato de nunca ter levado um cartão vermelho é apenas uma consequência desse estilo.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade