PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Melhor ataque, melhor visitante, mais viradas... Os números do Flamengo no Brasileirão 2020

Rubro-Negro conquistou o oitavo título do Campeonato Brasileiro nesta quinta-feira

26 fev 2021
10h03 atualizado às 10h03
0comentários
10h03 atualizado às 10h03
Publicidade
Jogadores levantam a taça do octa do Flamengo no Brasileirão (Foto: AFP)
Jogadores levantam a taça do octa do Flamengo no Brasileirão (Foto: AFP)
Foto: Lance!

Foi no sufoco, mas o Brasileirão segue com o mesmo dono. Em uma campanha de altos e baixos, o Flamengo assumiu a liderança apenas na 37ª rodada e se sagrou octacampeão brasileiro. Apesar da derrota para o São Paulo, no Morumbi, nesta quinta-feira, o título foi confirmado graças ao empate do Inter com o Corinthians, no Beira-Rio.

Diferentemente de 2019, o desempenho rubro-negro deste ano não foi incontestável e os números deixam claro a oscilação vivida pela equipe durante a temporada. Mesmo assim, o Flamengo superou as adversidades, mostrou a força do elenco na reta final e confirmou o favoritismo que ostentava no início do Brasileirão.

Abaixo, o LANCE! lista os principais números da campanha do Flamengo:

RAIO-X DO FLAMENGO

- 21 vitórias, 8 empates e 9 derrotas

- 62,2% de aproveitamento

- 68 gols marcados

- 48 gols sofridos

- 88 cartões amarelos

- 3 cartões vermelhos

ATAQUE PODEROSO

Com os 68 gols marcados nas 38 rodadas, o Flamengo terminou o Campeonato Brasileiro como o melhor ataque entre os 20 participantes. Gabigol (14), Pedro (13) e Bruno Henrique (9) foram os principais goleadores rubro-negros no torneio.

Durante a campanha, a equipe aplicou goleadas e placares elásticos, como contra o 5 a 1 contra o Corinthians, o 4 a 1 contra o Santos e os 3 a 0 contra o Goiás e o Sport (nos dois turnos).

DEFESA DE MEIO DE TABELA

Por outro lado, os 48 gols sofridos deixam o Flamengo apenas como a 12ª melhor defesa do Brasileirão, atrás de clubes como Fortaleza, Atlético-GO e Red Bull Bragantino. A fragilidade do setor defensivo era uma das principais críticas sofridas por Domènec Torrent, técnico da equipe nas primeiras 20 rodadas.

Mesmo com um elenco superior aos adversários, o Flamengo sofreu goleadas, como o 3 a 0 para o Atlético-GO, 4 a 1 para o São Paulo e 4 a 0 para o Atlético-MG. Nas 38 rodadas, foram apenas nove vezes em que o Rubro-Negro não foi vazado.

CAMPANHAS COMO MANDANTE E VISITANTE

Durante a campanha marcada por oscilações e a ausência das torcidas nos estádios, o Flamengo foi o melhor visitante do Brasileirão. Nos 19 jogos disputados, foram 10 vitórias, quatro empates e cinco derrotas. No total, foram 34 pontos dos 57 possíveis.

No Maracanã, por sua vez, o Flamengo somou 37 pontos, com 11 vitórias, quatro empates e quatro derrotas. No entanto, esses 64,9% de aproveitamento deixam o Flamengo apenas como o quarto melhor mandante da competição.

Flamengo conquistou o Brasileirão 2020 (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Flamengo conquistou o Brasileirão 2020 (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Foto: Lance!

2º TURNO DECISIVO

Após somar 35 pontos e ter a terceira melhor campanha do primeiro turno, o Flamengo melhorou de rendimento após a chegada de Rogério Ceni. No segundo turno, foram 36 pontos conquistados (11 vitórias, três empates e cinco derrotas) e a melhor campanha entre os 20 clubes da Série A.

COMPARAÇÃO ENTRE TÉCNICOS

Domènec Torrent comandou o Flamengo até a 20ª rodada e somou 35 pontos, com 10 vitórias, cinco empates e quatro derrotas - um aproveitamento de 58,3%. Foram 33 gols marcados e 29 gols sofridos sob o comando do treinador catalão.

Rogério Ceni, por sua vez, comandou o Flamengo nas 18 rodadas finais e somou 36 pontos, com 11 vitórias, três empates e cinco derrotas - um aproveitamento de 66,6%. Foram 35 gols marcados e 19 gols sofridos sob o comando do treinador brasileiro.

PODER DE REAÇÃO

Outro ponto de destaque da campanha do Flamengo foi a capacidade de reverter resultados durante as partidas. No total, foram cinco vitórias de virada na competição, incluindo o importante 2 a 1 sobre o Internacional, na 37ª rodada. Antes, o Rubro-Negro já havia ficado atrás do placar e virado contra o Goiás (2 a 1), Vasco (2 a 1), Bahia (4 a 3) e Grêmio (4 a 2).

Ao lado do São Paulo, o Flamengo foi o time com maior número de vitórias por virada nesta edição do Campeonato Brasileiro.

LÍDERES DO ELENCO

Jogos: Pedro e Gerson (34)

Gols: Gabigol (14)

Assistências: Arrascaeta (9)

Participações diretas em gol: Arrascaeta (17)

Cartões amarelos: Bruno Henrique (11)

Cartões vermelhos: Gustavo Henrique, Diego Alves e Gabigol (1)

Lance!
Publicidade
Publicidade