1 evento ao vivo

Meia do Athletico pode ser negociado por R$ 170 milhões

Maior problema para concluir transação com o Chelsea e o clube londrino é impedimento dos Blues pela Fifa

10 abr 2019
15h08
atualizado às 15h47
  • separator
  • comentários

Antes mesmo de ser vital no triunfo da última terça-feira (9) onde o Athletico superou o Tolima por 1 a 0 na Arena da Baixada pela Libertadores, o versátil meio-campista Bruno Guimarães já era assunto até mesmo na imprensa da Europa. Mais precisamente para o Daily Mail, tradicional veículo da imprensa britânica.

Segundo publicado pelo meio de comunicação citado, o Chelsea está interessado em abrir negociações com o time rubro-negro para adquirir o atleta de 21 anos que, apesar de ser natural da cidade do Rio de Janeiro, ganhou destaque vestindo a camisa do Osasco Audax.

Twitter do jogador
Twitter do jogador
Foto: LANCE!

Bruno tem sido um dos atletas mais regulares em seus desempenhos seja no período onde Fernando Diniz esteve dirigindo a equipe como na chegada de Tiago Nunes. Não à toa ele era um dos líderes de estatísticas dentro da Copa Libertadores no mês de abril quando o assunto era passes para gol e para finalizações.

E os valores que o time de Londres estaria disposto a investir no jogador não são em nada modestos: 35 milhões de libras, algo equivalente a mais de R$ 173 milhões. No entanto, existe um considerável empecilho não apenas pensando na chegada de Bruno como de qualquer outro jogador ao Chelsea.

Isso porque a equipe está impedida de fazer novas contratações por um período de dois anos em pena aplicada pela FIFA no mês de fevereiro com a acusação de aliciamento de atletas menores de idade pertencentes a outros clubes.

Veja também:

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade