PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Mancini explica posicionamento de volantes em empate entre Corinthians e São Bento

Treinador corintiano optou por iniciar duelo contra o time de Sorocaba com Cantillo e Gabriel no setor

17 abr 2021
0comentários
Publicidade

Após escalar Xavier e Camacho como dupla de volantes na derrota por 2 a 1, de virada, do Corinthians contra a Ferroviária, na última terça-feira (13), na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, pelo Campeonato Paulista, com o segundo, inclusive, marcando o gol corintiano no jogo, o técnico Vagner Mancini optou por Gabriel e Cantillo no setor, no empate em 1 a 1 contra o São Bento, nesta sexta-feira (16), na Neo Química Arena, também pelo Estadual.

No entanto, Gabriel, que possui uma característica mais marcadora, geralmente atuando como primeiro homem de meio-campo, foi visto por vezes próximos a área, inclusive finalizando ao gol e criando jogadas diretamente. Enquanto isso, Cantillo, que tem nos passes a sua principal característica esteve posicionado como uma espécie de primeiro volante.

Em entrevista coletiva virtual concedida após a partida, Mancini explicou o motivo da decisão.

- Simples, pela saída de bola do Cantillo e pela marcação do Gabriel. Como nós queríamos sufocar o São Bento, adotamos uma postura para marcar em cima, não deixar o São Bento jogar, o Gabriel tem uma facilidade maior de adiantar a marcação, é um atleta mais rápido, e o Cantillo, exatamente jogando por trás, para dar uma saída de bola com mais qualidade - afirmou o técnico corintiano.

Foi a terceira dupla de volantes diferentes que Vagner Mancini escalou nos últimos três compromissos do Timão. No último domingo (11), quando o Corinthians venceu o Guarani, por 1 a 0, em Campinas, o treinador optou por começar com Gabriel e Ramiro, diferentemente de Xavier e Camacho, contra a Locomotiva, e Gabriel e Cantillo, diante do Bentão.

De acordo com o comandante corintiano, as mudanças fazem parte de um planejamento em meio a sequência de partidas, assim como testes que estão sendo feitos para que o treinador defina o time ideal para a estreia na Copa Sul-Americana, na próxima quinta-feira (22), contra o River Plate (PAR), no estádio Defensores del Chaco, em Assunção.

- Na verdade, eu não pensei, eu tive a decisão porque os atletas jogaram na terça-feira, não estavam totalmente recuperados do jogo e por isso a gente adotou o planejamento que já havia sido estabelecido, desse jogo a equipe que jogou domingo, contra o Guarani, voltaria a jogar. A entrada do Cantillo, e por isso ele foi para Araraquara, foi para que ele pudesse jogar hoje - disse Mancini.

Antes do duelo pela Sul-Americana, o Timão ainda encarra o Ituano, neste domingo (18), às 22h, na Neo Química Arena, pela sexta rodada do Paulistão. Será a última oportunidade de Vagner Mancini promover testes antes de começar a sua trajetória em busca do título continental inédito.

Cantillo teve bom aproveitamento de passes contra o São Bento (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)
Cantillo teve bom aproveitamento de passes contra o São Bento (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)
Foto: Lance!
Lance!
Publicidade
Publicidade