0

Leila Pereira admite que Santos salvou Palmeiras de rebaixamento em 2014: 'Todo mundo sabe disso'

Na ocasião, o Alviverde dependia apenas de si para evitar queda para a segunda divisão, mas apenas empatou na última rodada e dependeu de triunfo santista contra o Vitória

11 ago 2020
21h21
atualizado às 21h21
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A presidente da Crefisa, patrocinadora do Palmeiras desde 2015, Leila Pereira, afirmou que o Alviverde foi rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro em 2014, sendo salvo pelo Santos.

Além de patrocinadora, Leila Pereira também é conselheira do Palmeiras (Foto: Divulgação/Palmeiras)
Além de patrocinadora, Leila Pereira também é conselheira do Palmeiras (Foto: Divulgação/Palmeiras)
Foto: Lance!

Na última rodada da competição daquele ano, o Palestra encarou o Athlético-PR, no recém-inaugurado Allianz Parque, dependendo apenas de si para evitar o descenso, mas apenas empatou em 1 a 1, correndo o risco da queda caso o Peixe perdesse para o Vitória, no estádio do Barradão, em Salvador. No entanto, Alvinegro Praiano, com gol de Thiago Ribeiro nos minutos finais da partida, venceu por 1 a 0, rebaixando o time baiano e salvando o rival.

- Nós, em 2015, começamos essa parceria com o Palmeiras. O Palmeiras vinha numa situação calamitosa. Nossa grande emoção era quando o Palmeiras conseguia se safar e não caía. Em 2014, o Palmeiras caiu. Quem salvou foi o Santos. Todo mundo sabe disso - disse em live promovida pela "Tuddo Comunicação", e que também contou com o técnico palmeirense, Vanderlei Luxemburgo.

Desde então, Santos e Palmeiras intensificaram a rivalidade, decidindo Campeonato Paulista e Copa do Brasil no ano seguinte, com o Peixe vencendo a competição e estadual e o Alviverde a nacional. Os times também se encontraram nas semifinais do Paulistão de 2017 e 2018.

Veja também:

Resumão do Mercado - #2
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade