0

Herdeiro de Lahm, lateral Kimmich chega em alta em sua primeira Copa

Jovem atleta do Bayern e da seleção alemã tem a confiança do elenco para brilhar em sua primeira participação em Mundiais

15 jun 2018
06h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Em 2014, a Alemanha foi campeã do mundo tendo Philipp Lahm como capitão e um dos líderes técnicos. Após o Mundial no Brasil, ele anunciou que deixaria a seleção, abrindo brecha para Joshua Kimmich na equipe de Joachim Löw. E o jovem, um substituto à altura, chega em alta para a sua primeira Copa do Mundo, em que a estreia se dará neste domingo, contra o México.

Kimmich é o titular de Löw para a lateral direita (Foto: Christof Stache / AFP)
Kimmich é o titular de Löw para a lateral direita (Foto: Christof Stache / AFP)
Foto: Lance!

Aos 23 anos, Kimmich é o atual titular na lateral direita do Bayern de Munique, onde também chegou para ser o sucessor de Lahm, aposentado desde meados de 2017. Dá para dizer que os últimos 18 meses elevaram o patamar de Kimmich, um dos destaques do time bávaro na conquista do inédito hexacampeonato da Bundesliga e responsável por passes precisos e muita regularidade ao longo desta temporada, sobretudo.

Pela seleção, Kimmich soma 29 jogos e três gols. Peça intocável de Löw, o polivalente defensor (como era Lahm) foi elogiado até por Toni Kroos, vencedor em 2014 e que destacou Kimich como "um líder nos próximos anos".

- Kimmich já é titular indiscutível, tanto aqui como no Bayern de Munique. Não é fácil ser o herdeiro de Philipp Lahm. E ele faz isso de maneira sensacional. Está predestinado a ser nos próximos anos um líder em campo e um dos jogador nível mundial - salientou Kroos.

Quando Lahm levantou a taça no Maracanã, Kimmich tinha apenas 19 anos e pertencia ao RB Leipzig. Naquele Mundial, cabe destacar, Löw iniciou com Boateng improvisado, depois, nas oitavas de final, optou por Mustafi, outro zagueiro, e, só na fase seguinte, voltou com Lahm na lateral direita.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade