3 eventos ao vivo

Guangzhou paga R$ 180 mi e tira Paulinho de vez do Barcelona

Jogador estava emprestado ao clube chinês, que exerceu a opção de compra

4 jan 2019
13h21
atualizado às 13h41
  • separator
  • 0
  • comentários

O Guangzhou Evergrande pagou 42 milhões de euros (cerca de R$ 180 milhões) pela contratação em definitivo do meia Paulinho. Segundo o jornal "La Vanguardia", o clube espanhol recebeu os valores na última quarta-feira. No entanto, nenhum dos dois clubes se manifestou oficialmente.

Paulinho foi contratado pelo Barcelona junto ao próprio Guangzhou no início da temporada 2017/18 e assinou vínculo de quatro anos. Após um ano na Catalunha, foi cedido por empréstimo aos chineses, que exerceram a opção de compra prevista no contrato.

Paulinho fez nove gols em 49 partidas pelo Barcelona (Foto: Divulgação)
Paulinho fez nove gols em 49 partidas pelo Barcelona (Foto: Divulgação)
Foto: LANCE!

Na ocasião, o Barcelona pagou 40 milhões de euros (R$ 151 milhões na cotação da época) e pedia 50 milhões de euros (R$ 214 milhões). A diferença nos valores divulgados pelo periódico, contudo, deve ser abatida no salário do jogador.A negociação encerra de vez a passagem de Paulinho pelo Barcelona. Apesar de ter feito boas apresentações e gols, não chegou a ser unanimidade.

- A transferência de Paulinho ficará na história do clube não apenas por sua fugacidade, mas também por ocupar a partir de agora um posto de honra entre as mais altas realizadas pelo Barcelona. Os 42 milhões de euros obtidos pelo meio-campista empatam com os da venda de Alexis Sánchez ao Arsenal e só são superados por duas operações de saída: Figo (60 milhões, ao Real Madrid) e, é claro, Neymar (222 milhões, ao PSG) - escreveu o "La Vanguardia", antes de completar:

- Paulinho, que hoje tem 30 anos, foi uma contratação controversa no princípio por seu preço, suas características pouco homologáveis ao estilo Barça e por sua procedência, uma liga chinesa mais propensa a pescar velhas glórias do que a gerar talento. Seu rendimento ao chegar, no entanto, foi alto e serviu para diminuir os prejuízos à base de gols e aparições transcendentais quando o projeto Valverde, ainda por amadurecer e sob efeito da perda de Neymar, exigia resultados.

No total, Paulinho atuou em 49 partidas pelo Barcelona e anotou nove gols.

Veja também:

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade