7 eventos ao vivo

Galo nega que esteja negociando com os venezuelanos Jan Hurtado e Adalberto Peñaranda

Os jogadores apareceram como possíveis reforços do alvinegro nos últimos dias. O clube mineiro procura qualificar o setor ofensivo a pedido de Dudamel

18 jan 2020
19h17
  • separator
  • 0
  • comentários

Com o desejo do técnico Dudamel em reforçar o ataque do Galo, a diretoria está buscando trazer alternativas ao treinador para fortalecer o setor ofensivo do alvinegro. . E, os nomes dos atacante venezuelanos Jan Hurtado e Adalberto Peñaranda sugiram como possíveis soluções para o time mineiro.

Peñaranda está no Watford, da Inglaterra, mas inicou sua trajetória na Europa, na Udinese-ITA-(Udinese/Facebook)
Peñaranda está no Watford, da Inglaterra, mas inicou sua trajetória na Europa, na Udinese-ITA-(Udinese/Facebook)
Foto: Lance!

Porém, o diretor de futebol do Atlético, Rui Costa, negou que o Atlético esteja com alguma tratativa com a dupla, conterrânea de Rafael Dudamel.

-Não estão sendo observados. Existia um movimento natural de que todo jogador venezuelano passasse a ser observado pelo Atlético. Claro que não. Temos um critério muito claro de monitoramento de atletas- disse.
Jan Hurtado, de 19 anos, atualmente está no defende o Boca Juniors-ARG. O nome do jovem jogador surgiu como possível interesse atleticano após o empresário Rodolfo Baque,que cuida da carreira de Hurtado, dar uma entrevista à Rádio argentina AM630, falando .

-Tivemos contatos de clubes do Brasil, mas a ideia de Jan é ficar no Boca enquanto a comissão técnica quiser- disse o empresário.

Já Peñaranda, que pertence ao Watford, da Inglaterra, teve seu nome ventilado em BH após postar uma foto com o técnico alvinegro, Rafael Dudamel. nas redes sociais.

-Professor, te desejo o melhor nesta nova etapa de sua carreira, fiquei com todos os aprendizados que me ensinou desde a (seleção) sub-17, sempre serei grato a você e sua comissão técnica-disse, o jogador, que foi comandado por Dudamel nas seleções de base da Venezuela.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade