2 eventos ao vivo

Fla vence o Eintracht Frankfurt e inicia 2019 com título da Florida Cup

Jean Lucas marca no primeiro tempo, Flamengo supera o Ajax na tabela e conquista o torneio amistoso. Bom início de temporada para a cobrada equipe de Abel Braga

12 jan 2019
21h23
atualizado em 13/1/2019 às 10h13
  • separator
  • comentários

A cobrança em cima do Flamengo em 2019 é por conquistas e, em seu primeiro desafio, o time de Abel Braga correspondeu. Ao vencer o Eintracht Frankfurt neste sábado, por 1 a 0, no Orlando City Stadium, o Rubro-Negro sagrou-se campeão da Florida Cup, deixando para trás o Ajax, da Holanda, e o São Paulo, além do rival alemão. Jean Lucas foi o autor do gol da vitória e do título do Fla.

O Flamengo terminou o torneio com cinco pontos, seguido pelo Ajax, com quatro. O Eintracht Frankfurt somou três pontos e o São Paulo ficou zerado.

Desta forma, o Rubro-Negro voltará dos Estados Unidos com a mesma cobrança por títulos de expressão, mas as atuações seguras diante de adversários europeus dão a Abel Braga e jogadores a confiança para darem sequência ao curto trabalho realizado até aqui. São apenas 10 dias de treinos.

Jean Lucas marca em etapa de poucas emoções

Abel Braga optou por mudar os 11 titulares em relação ao time que enfrentou o Ajax. O time, formado por reservas e Rodrigo Caio, repetiu a postura defensiva da partida anterior. O Eintracht Frankfurt teve a bola, mas pouco ameaçou a meta de César. A finalização forte de Rebic, aos 12, foi o lance de maior perigo.

Minutos depois, no entanto, Abraham agrediu Piris da Motta, foi expulso e o cenário do jogo alterou-se. O Flamengo equilibrou a posse de bola e passou a encontrar espaços para contra-atacar. Foi em uma das escapadas de Rodinei que a bola chegou a Jean Lucas, já dentro da área. A batida não saiu como o meia queria, mas foi o suficiente para vencer o goleiro Trapp: 1 a 0 para o Fla.

Dupla de zaga "ganha minutos"

Abelão repetiu a estratégia do jogo contra o Ajax e fez oito mudanças para a etapa final. Ficaram apenas o goleiro César - Diego Alves atuou os 90 minutos da primeira partida -, Rhodolfo e Rodrigo Caio. Desta forma, o técnico deu mais minutos e maior entrosamento aos defensores, que largam na frente para formar a zaga titular.

Titulares entram, criam chances claras e Fla é campeão

Com um jogador a mais e as entradas de Diego, Everton Ribeiro e Vitinho, por exemplo, o Flamengo tomou conta da etapa final. Não faltaram oportunidades para a equipe de Abel Braga ampliar o placar, as principais delas foram com Willian Arão. O camisa 5, no entanto, finalizou mal as duas chances claras que teve. O Rubro-Negro terminou sem sofrer sustos e pôde comemorar o título.

Vitinho também teve sua chance de matar o jogo, assim como Everton Ribeiro. O camisa 7 recebeu na entrada da área, aos 40 minutos, limpou a marcação e bateu fraco, nas mãos de Zimmermann. Como o Frankfurt não ameaçou, os gols perdidos não fizeram falta, mas irritaram Abel Braga na beira do gramado.

Nação transforma estádio no Maraca e faz a festa

Os mais de 3 mil rubro-negros presentes deram ao moderno Orlando City Stadium ares de Maracanã, com os tradicionais cantos da Nação, faixas e, inclusive, um bandeirão em um dos setores atrás do gol. Os torcedores não deixaram de cantar um só minuto e foram uma atração à parte do duelo. O reconhecimento veio com o apito final, com o time saudando a arquibancada.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 X 0 EINTRACHT FRANKFURT

Local:
Orlando City Stadium, em Orlando (EUA)
Data: 12/01/2019, às 19h
Árbitro: Madcid Coric (EUA)
Assistentes: Francesco Terranova (EUA) e Anya Vogt (EUA)

Cartão amarelo: Jean Lucas, Trauco e Rodrigo Caio (FLA); Russ (EFR)
Cartão vermelho: Abraham (EFR).

Gols: Jean Lucas (1-0, 39'/1ºT)

FLAMENGO: César; Rodinei (Pará, Intervalo), Rhodolfo, Rodrigo Caio e Trauco (Renê, Intervalo); Piris da Motta (Cuéllar, Intervalo), Ronaldo (Arão, Intervalo) e Jean Lucas (Everton Ribeiro, Intervalo); Thiago Santos (Vitinho, Intervalo), Vitor Gabriel (Diego, Intervalo) e Henrique Dourado (Uribe, Intervalo) - T: Abel Braga

EINTRACHT FRANKFURT: Trapp (Zimmermann, Intervalo); Abraham, Hasebe e Falette (N'Dicka, Intervalo); Rode, Stendera (Willems, Intervalo), Danny da Costa, De Guzmán (Tawatha, Intervalo) e Kostic (Hrgota, Intervalo, e, depois, Gonçalo Paciência, 30'/2ºT); Rebic e Jovic - T: Adi Hütter

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade