3 eventos ao vivo

Felipão segue sem definir o futuro e espera novo projeto no Cruzeiro

O treinador reforçou que a meta inicial de sua vinda para a Raposa era salvar o time do rebaixamento à Série C

23 jan 2021
18h59
atualizado às 18h59
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Sem chances de acesso, e sem risco de rebaixamento, o noticiário do Cruzeiro está mais focado no que acontece fora de campo, do que dentro das quatro linhas. E, a principal questão é se Luiz Felipe Scolari ficará ou não na Raposa para a temporada 2021.

O treinador continua sem confirmar se irá ou não ficar para comandar o Cruzeiro em 2021-(Bruno Haddad/Cruzeiro)
O treinador continua sem confirmar se irá ou não ficar para comandar o Cruzeiro em 2021-(Bruno Haddad/Cruzeiro)
Foto: Lance!

Em entrevista a TV colombiana Win Sports, Scolari deixou mais uma vez o futuro em aberto, como tem feito com frequência em suas coletivas pós-jogo.

Aos colombianos, o treinador comentou sobre o projeto desenhado com o clube para salvar a equipe do rebaixamento à Série C. Com o objetivo cumprido, agora espera que haja uma nova meta a ser alcançada para continuar em BH.

Felipão tem contrato até o fim de 2022, mas ele pode sair sem pagar multa rescisória. Ele diz que vai avaliar o futuro e os convites que porventura possam vir a receber.

-Fizemos o primeiro trabalho (de livrar o time da Série C), agora eu vou pensar em uma situação se saio ou se fico, dependendo de uma ou outra situação de convite. O primeiro trabalho, que foi idealizado por mim e pelo Cruzeiro, era de que saíssemos da dificuldade maior, passasse por uma dificuldade média e, aí, depois, tanto o Cruzeiro quanto eu seguiria sua vida-disse.

O atual comandante da Raposa foi cortejado recentemente pela seleção chilena, que ficou sem Reinaldo Rueda. o nome de Scolari figura entre os favoritos para que comande a "La Roja", a pouco mais de um ano da Copa do Mundo do Catar, em 2022.

Uma saída do treinador não geraria surpresa no torcedor, pois Felipão está visivelmente irritado com algumas situações no clube, como o atraso de salários dos atletas. Felipão também quer garantias de que terá um time mais forte para a Série B de 2021.

Ainda na entrevista para a TV da Colômbia, Felipão respondeu um questionamento sobre ter aceitado voltar para a Raposa.

- Quando eu saí dos clubes europeus, me dediquei a trabalhar no Brasil, pela seleção, pelo Palmeiras, e outros clubes me convidaram, mas eu tenho que lembrar a todos vocês que que quando eu saí para a seleção brasileira, eu saí do Cruzeiro, em 2001. Então, eu deixei um trabalho aqui a fazer-explicou o técnico, que ressaltou a vontade de ajudar o clube neste momento delicado.

- O Cruzeiro está passando por uma dificuldade muito grande e estava, nas primeiras 16 rodadas do campeonato, por nove vezes na Série C, ou seja, entre o 16º e o 20º lugar, e a minha função era ajudar o Cruzeiro a sair desta situação, para que no ano seguinte pudesse aspirar a voltar a jogar pela Série A. Foi isso que nós conseguimos-concluiu.

Veja também:

Veja os números dos principais nomes do Flamengo na campanha do octa!
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade