2 eventos ao vivo

Davó é apresentado como reforço do Timão: 'Podem esperar muita raça'

Destaque do Guarani no ano passado, Davó assinou com o Corinthians até o fim de 2023. Jogador falou em dar a volta por cima após receber críticas negativas nas redes sociais

13 jan 2020
16h32
atualizado às 16h32
  • separator
  • 0
  • comentários

Mais novo reforço do Corinthians, o jovem atacante Matheus Davó, de 20 anos, foi apresentado como atleta do Timão nesta segunda, logo após o treino da equipe, na Flórida, nos Estados Unidos. Revelado na Portuguesa, o jogador se destacou no Guarani, durante o ano passado, e assinou com o Alvinegro até o fim de 2023.

Davó é uma das opções de Tiago Nunes para o ataque do Corinthians (Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)
Davó é uma das opções de Tiago Nunes para o ataque do Corinthians (Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)
Foto: Lance!

Embora seja uma promessa do clube do Parque São Jorge para os próximos anos, o jogador recebeu alguns comentários negativos nas redes sociais após seu anúncio. Ciente da necessidade de provar o seu valor no Corinthians e conquistar o seu espaço, Davó minimizou as críticas e falou em dar a volta por cima no Timão.

- Meus pais me ajudam muito nesse momento, sei que sou muito novo e tenho muito o que provar ainda. Num time como o Corinthians tem que provar mesmo. O torcedor pode esperar muita raça, vou dar a volta por cima novamente - afirmou o jogador.

Rápido e habilidoso, Davó ganhou repercussão nacional na Copinha do ano passado, quando ajudou o Bugre a chegar na semifinal da competição do ano passado, sendo um dos principais jogadores da equipe naquela campanha. Na Série B, o atacante fez 30 jogos e marcou 3 gols.

Recém-chegado ao clube, Davó brigará com Janderson, Madson e Everaldo por uma das vagas do ataque pela beirada de campo. O jogador já se colocou à disposição do técnico Tiago Nunes para desempenhar seu papel no Timão.

- Falei para o professor: o estilo de jogo dele encaixa muito com o meu e ali no ataque eu vou ajudar onde precisar. Falei para ele que onde tiver (vaga no time) eu jogo e ajudo o time - concluiu o reforço do Corinthians.Confira outros trechos da entrevista de Davó:

Origem do apelido
O apelido foi porque eu ficava com a minha avó durante a semana, meus pais trabalhavam. Ela que me levava para os treinos e para a escola. Como tinham muitos Matheus, foi o que diferenciou, Matheus Davó. Quando eu cheguei na primeira escolinha, não sabia o meu sobrenome, os caras perguntaram qual era e eu falei "Davó". Aí pegou, ficou Davó para toda a vida.

Chegada ao Corinthians
Para mim é muito. Não me imaginava com 20 anos estar aqui, tenho que agradecer muito à Deus, à minha família e à todos que acreditaram no meu futebol. Para mim, é um sonho realizado

Sonho do avô
Meu avô faleceu há quatro anos mais ou menos. Ele era muito fanático, e o sonho dele era que eu jogasse no Corinthians. Onde quer que ele esteja... é muito emocionante.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade