0

Atual campeão, Flamengo despacha Barcelona pela Libertadores

Rubro-Negro faz primeiro jogo em casa pela atual edição da Conmebol Libertadores

11 mar 2020
23h41
atualizado às 23h43
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Na estreia no Maracanã na atual edição da Conmebol Libertadores, o Flamengo foi a campo na noite desta quarta-feira e derrotou o Barcelona de Guayaquil, do Equador, por 3 a 0. O time comandado pelo português Jorge Jesus não encontrou qualquer dificuldade para construir a vitória, diante de mais de 63 mil torcedores que foram ao estádio. Os gols do Rubro-Negro foram marcados por Gustavo Henrique, Gabigol e Bruno Henrique. Uma vitória justa do início ao fim, já que os equatorianos fizeram quase nada ao longo dos 90 minutos.

Com o resultado, o Flamengo chegou a seis pontos, em segundo lugar do Grupo A da Conmebol Libertadores. O Barcelona de Guayaquil permanece sem pontuar, na lanterna. Ambas as equipes voltam a campo pela competição na quinta-feira da semana que vem - enquanto os brasileiros visitam o Independiente del Valle, os equatorianos recebem o Junior Barranquilla. Antes, o Rubro-Negro jogará pela Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca - no sábado, receberá a Portuguesa.

Diante de mais de 63 mil torcedores no Maracanã, o Flamengo fez jus à qualidade de seus jogadores e pressionou pela vitória desde o apito inicial do árbitro Facundo Tello. Aos oito minutos do primeiro tempo, em jogada de velocidade, Rafinha achou Everton Ribeiro, que serviu Bruno Henrique, que quase marcou. Aos 26, Everton Ribeiro e Arrascaeta fizeram boa tabela, a bola chegou em Gabigol, desviou, o próprio Everton pegou a sobra, mas o goleiro Mendoza fez grande defesa. Até que aos 37, o 1 a 0 para o Fla foi confirmado com Gustavo Henrique - em belo cruzamento de Everton Ribeiro, que dominou.

Na frente do marcador, o Flamengo não tirou o pé do acelerador e seguiu no ataque. Aos 41 minutos, Gabigol provocou ótima defesa de Mendoza. Mas o goleiro do Barcelona não conseguiu evitar o 2 a 0 para o Rubro-Negro pouco tempo depois - aos 43, Jonatan Alvez colocou a mão na bola na grande área e o árbitro assinalou pênalti. No minuto seguinte, o próprio Gabigol foi para a cobrança e converteu, para festa dos torcedores que, novamente, gritaram que "hoje tem gol do Gabigol". Décimo primeiro gol de Gabigol, cinco assistências, em apenas dez jogos em 2020. Grande ano, de novo!

O segundo tempo não foi com todas as forças do Flamengo, que se poupou um pouco mais, administrando o resultado. Porém, mesmo assim, a equipe comandada por Jorge Jesus levou perigo e conseguiu selar a vitória em 3 a 0. O terceiro gol saiu aos sete minutos, com Bruno Henrique aproveitando cobrança de escanteio de Arrascaeta. Ainda tiveram chances observadas aos 27, com Bruno Henrique de novo, Gustavo Henrique aos 28, o Barcelona fez Diego Alves trabalhar uma única vez aos 31 em chegada de Montaño, mas ficou assim. Vitória do Flamengo por 3 a 0, justa e com indícios de que podem mais!

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 3 X 0 BARCELONA-EQU

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 11/3/2020, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Facundo Tello (ARG) - Nota LANCE!: 6,5 (não influenciou no resultado, assinalando corretamente as principais marcações ao longo do jogo)
Assistentes: Julio Fernandez (ARG) e Pablo Gonzalez (ARG)
Gramado: Bom
Público/renda: 58.100 pagantes/63.426 presentes/R$ 4.411.842,50
Cartões amarelos: Filipe Luís, Jorge Jesus (FLA) e Damián Díaz, Piñatares, Bedoya (BSC)
Cartão vermelho: -

GOLS: Gustavo Henrique 37'/1ºT (1-0), Gabigol 44'/1ºT (2-0) e Bruno Henrique 7'/2ºT (3-0)

FLAMENGO: Diego Alves, Rafinha, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Thiago Maia (Diego 32'/2ºT), Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta (Michael 26'/2ºT); Bruno Henrique (Vitinho 44'/2ºT) e Gabigol. Técnico: Jorge Jesus.

BARCELONA: Mendoza, Velasco, Riveros, Aimar (Bedoya 21'/1ºT) e Castillo; Gabriel Marques, Piñatares, Damián Díaz (Oyola 34'/2ºT) e Emmanuel Martínez; Fidel Martínez (Montaño 31'/2ºT) e Jonatan Alves. Técnico: Fabián Bustos.

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade