PUBLICIDADE
Logo do

Internacional

Meu time

Internacional vacila e toma a virada para o Táchira fora

Com a derrota por 2 a 1, os gaúchos viram sua liderança ficar ameaçada e terão que levar com muita seriedade os últimos 2 jogos da 1ª fase

11 mai 2021 21h23
| atualizado às 21h38
ver comentários
Publicidade

Mesmo jogando melhor na maior parte do tempo, o Internacional deixou o Deportivo Táchira virar o jogo na Venezuela e complicou sua vida na Libertadores. Com a derrota por 2 a 1, os gaúchos viram sua liderança ficar ameaçada e terão que levar com muita seriedade os últimos dois jogos da primeira fase.

O Internacional segue provisoriamente na primeira colocação do grupo B, com seis pontos. Agora, o Táchira também está com seis pontos, mas em terceiro, atrás também do Always Ready.

Pela próxima rodada, o Táchira segue jogando no Pueblo Novo e recebe o Always Ready. A partida acontece na próxima quarta-feira, às 23 horas (de Brasília). O Internacional segue jogando fora de casa e visita o Olimpia. As equipes se enfrentam no Defensores del Chaco, às 21 horas da quinta-feira.

Internacional vacila e toma a virada para o Táchira fora
Internacional vacila e toma a virada para o Táchira fora
Foto: Camila Souza

O jogo - Mesmo sem conseguir efetivamente marcar contra os donos da casa, quem jogou melhor o primeiro tempo foi o Internacional. A equipe comandada por Ramírez teve mais posse de bola e jogou por mais tempo no campo de ataque dos adversários. As melhores oportunidades para os gaúchos vieram dos pés de seus atacantes Thiago Galhardo e Taison.

O Táchira se contentou em jogar pelo contra-ataque e aproveitar as linhas de marcação adiantadas. A melhor oportunidade para os donos da casa veio aos 22 minutos, com ótimo passe em profundidade que Góndola não conseguiu transformar em gol.

O Internacional voltou para o segundo tempo decidido a vencer a partida e conseguiu um pênalti logo aos 6 minutos. Cuesta teve sua camisa puxada e quase arrancada por Granados e a penalidade máxima foi convertida por Thiago Galhardo.

O golpe acordou o Táchira, que partiu para cima do Internacional e levou muito perigo aos 20 minutos, exigindo ótimas defesas de Lomba e Dourado. Tanta pressão resultou no empate dos venezuelanos. Aos 31 minutos, Nelson Hernández aproveitou bola rebatida de Zé Gabriel e marcou.

E em uma bobeada veio a virada dos venezuelanos. Aos 40 minutos, Edenilson e Lomba não se entenderam na proteção de um recuo de bola e o goleiro do Inter acabou fazendo pênalti em cima de Angarita. Na cobrança, Cova garantiu os três pontos.

FICHA TÉCNICA

DEPORTIVO TÁCHIRA 2 X 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio Pueblo Nuevo, San Cristóbal, Venezuela

Data: 11 de maio de 2021, terça-feira

Hora: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)

Assistentes: Miguel Roldán (Colômbia) e Richard Ortiz (Colômbia)

Cartão amarelo: Lucas Gómez, Camacho, Covea, Vivas e Granados (Dep. Táchira); Rodrigo Dourado, Saravia e Thiago Galhardo (Internacional)

GOLS:

Deportivo Táchira: Nelson Hernández, aos 31 minutos do 2º tempo e Cova, aos 40 minutos do 2º tempo

Internacional: Thiago Galhardo, aos 6 minutos do 2º tempo

DEPORTIVO TÁCHIRA: Varela; Camacho, Lucas Trejo, Vivas e Granados; Cova, Flores, Covea (Velasco) e Freddy Góndola (Yerson Chacón); Lucas Gómez (Angarita) e Edgar Pérez (Nelson Hernández)

Técnico: Juan Tolismano

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Saravia (Rodinei), Zé Gabriel, Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado (Rodrigo Lindoso), Nonato (Praxedes) e Marcos Guilherme (Maurício); Yuri Alberto, Thiago Galhardo e Taison (Edenilson)

Técnico: Miguel Ángel Ramírez minu

Confira outros resultados da Libertadores nesta terça-feira:

The Strongest 2 x 0 Barcelona

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade