1 evento ao vivo

Guerrero, Bruno, Odair e dirigente do Inter são denunciados no STJD

8 out 2019
19h55
atualizado às 19h55
  • separator
  • 0
  • comentários

Dois jogadores, o técnico e o vice-presidente de futebol do Internacional foram formalmente denunciados no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta terça-feira. Os quatro casos estão relacionados à derrota por 3 a 1 sofrida para o Flamengo, no Maracanã, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Entre os atletas, Guerrero e Bruno, ambos expulsos no confrontos, foram denunciados. O atacante peruano foi enquadrado em dois artigos: no 243-F, duas vezes, por ofender alguém em sua honra; e no 258-B, por invadir local destinado à equipe de arbitragem. No geral, o camisa 9 pode pegar 15 jogos de suspensão e multa de até R$ 100 mil.

(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Foto: Gazeta Esportiva

Já o lateral responde por acusação mais leve, a do artigo 250, por impedir uma oportunidade clara de gol após pênalti cometido em Gabigol. Se culpado, Bruno ficará suspenso de uma a tês partidas.

O técnico Odair Hellmann foi enquadrado no artigo 258, por desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões, podendo ser suspenso de um a seis confrontos.

Por fim, o vice-presidente de futebol Roberto Melo também foi denunciado. O dirigente foi enquadrado no artigo 258, assim como Hellmann, e no artigo 243-F, assim como Guerrero. Ao todo, Melo pode ser suspenso por até 270 dias e multado em até R$ 100 mil.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade