PUBLICIDADE

Única estreante e candidata a surpresa, Bósnia chega a SP

6 jun 2014 15h11
| atualizado às 15h37
ver comentários
Publicidade

A Seleção da Bósnia e Herzegovina desembarcou em São Paulo nesta sexta-feira e já seguiu rumo ao Guarujá, cidade do litoral paulista em que a equipe ficará hospedada durante a Copa do Mundo.

Com jogadores em destaque no futebol europeu, como o atacante Edin Dzeko, do Manchester City e o meia Miralem Pjanic, da Roma, os bósnios podem ser uma surpresa no Mundial, e estão presentes no Grupo F, ao lado de Argentina, Nigéria e Irã.

Entre as 32 participantes do Mundial, a Bósnia é a única que estreia na competição, que chega à 20º edição neste ano. Entretanto, o técnico Safet Susic mostrou confiança na equipe. "Depois dos amistosos contra a Costa do Marfim e México, posso afirmar que estamos quase prontos. Temos dois ou três problemas médicos na equipe mas tenho certeza que os jogadores estarão em forma para a primeira partida", afirmou Susic.

Costa do Marfim desembarca em Campinas

A primeira seleção africana a desembarcar nesta sexta foi a Costa do Marfim. Capitaneados por Didier Drogba, astro nacional, os marfinenses chegaram à Campinas e seguiram viagem até Aguas de Lindóia, interior do estado de São Paulo.

Disputando o terceiro Mundial consecutivo, Drogba quer usar a experiência de 2006 e 2010 para levar a Costa do Marfim à uma inédita vaga para as oitavas de final.

"Agora teremos condições de mostrar que acumulamos experiência. Apesar disso, sabemos que será difícil. Os torcedores na Costa do Marfim têm muita expectativa em relação ao nosso desempenho e nós temos grandes ambições com relação à competição também", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade