PUBLICIDADE

Mau gosto: Cidade colombiana faz decoração de Natal simulando acidente da Chape

25 nov 2023 - 15h40
Compartilhar
Exibir comentários

A cidade de La Unión, na região de Antióquia, na Colômbia, tem recebido muitas críticas por conta da decoração natalina. Afinal, a Prefeitura colocou uma réplica do avião que caiu com a delegação da Chapecoense, em 2016, junto com luzes de Natal. A réplica é da parte traseira do avião. A instalação tem ainda o nome da empresa "La Mia", que fez o voo da Chapeconse. Assim, foi a grande responsável pela queda do avião. O acidente aconteceu na madrugada do dia 29 de novembro daquele ano. Portanto, completará sete anos nesta semana.

Vale lembrar que a Chapecoense viajava para a Colômbia, onde faria a final da Sul-Americana contra o Atlético Nacional, da cidade de Medellín. O avião caiu em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. Como o acidente chocou o mundo, a Conmebol e o time colombiano concordaram em dar o título para os brasileiros.

Cidade colombiana ‘homenageia’ acidente com avião da Chapecoense –
Cidade colombiana ‘homenageia’ acidente com avião da Chapecoense –
Foto: Andres Norena/Blu Rádio/Reprodução Twitter / Reprodução

Não por acaso centenas de menssagens nas redes sociais repudiaram essa atitude de mau gosto. "Uma falta de respeito pela memória das vítimas e familiares", "sensacionalismo barato" foram apenas algumas das  várias declarações de colombianos irritados com a prefeitura local.

Com a repercussão, a prefeitura local retirou a instalãção, no fim desta sexta-feira, e pediu desculpas

"A intenção nunca foi ferir a comunidade. Da mesma forma, entendemos o incômodo causado, portanto, pedimos desculpas e procedemos com a remoção da figura", disse em nota.

Acidente da Chape

Ao todo, foram 71 mortos: 19 jogadores, 14 membros da comissão técnica, inclusive o treinador Caio Junior, 11 dirigentes e convidados, sete tripulantes e 20 jornalistas. Apenas seis sobreviveram: três jogadores (o goleiro Jakson Folmann, que perdeu uma perna, o zagueiro Neto e o lateral-esquerdo Alan Ruschel); um radialista (Rafael Henzel, que morreu anos depois); e dois membros da tripulação.

Quase sete anos depois, a Chapecoense está muito perto de cair para a Série C, afinal, está em 18°, com 37 pontos, dois atrás da Ponte Preta, primeira fora do Z4. A última rodada da Série B, aliás, será disputada ainda neste sábado (25). 

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade