1 evento ao vivo

Sem temer punição, Corinthians diz que conselheiros quase foram atingidos

21 fev 2013
10h19
atualizado às 11h04
  • separator
  • comentários

Ainda abatida com a morte do torcedor boliviano Kevin Beltrán, 14 anos, na partida contra o San José, a delegação do Corinthians iniciou na manhã desta quinta-feira sua volta para casa. O grupo seguiu para Santa Cruz de La Sierra, onde pegará um avião com destino a São Paulo. A chegada no Aeroporto de Guarulhos é prevista para 14h25.

<p>Tite foi um dos mais abatidos da delegação corintiana nesta quinta-feira</p>
Tite foi um dos mais abatidos da delegação corintiana nesta quinta-feira
Foto: AFP

O diretor adjunto de futebol Duílio Monteiro Alves foi um dos poucos a falar com a imprensa, e não demonstrou preocupação com uma possível exclusão do Corinthians da Copa Libertadores. O dirigente ainda disse que conselheiros do clube quase foram pegos pelo sinalizador que atingiu o rosto de Kevin, causando sua morte.

"É preciso aguardar a apuração dos fatos. Não houve qualquer comunicado da Conmebol, mas é algo que o clube não teme, porque foi uma fatalidade. Vários conselheiros do clube nos relataram que estavam na arquibancada no momento e quase foram atingidos pelo artefato. É preciso aguardar", disse o dirigente.

O técnico Tite se mostrava o mais consternado com a situação. Bem cedo, ele chegou a ir a um igreja de Oruro para fazer suas orações, antes do embarque. O treinador foi o primeiro a entrar no ônibus.

&amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/guia-libertadores-2013/iframe.htm&amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/guia-libertadores-2013/iframe.htm&amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;gt;veja o infogr&amp;amp;amp;amp;aacute;fico&amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;gt;

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • comentários
publicidade