PUBLICIDADE

Juventude vence jogo maluco contra o Ceará e garante acesso pra Série A

Juventude vence jogo dramático contra o Ceará, com direito a expulsão e pênalti anulado pelo VAR, e volta à Série A depois de uma temporada.

25 nov 2023 - 19h25
(atualizado às 19h37)
Compartilhar
Exibir comentários
Juventude bate Ceará de virada na última rodada e volta pra Série A.
Juventude bate Ceará de virada na última rodada e volta pra Série A.
Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude / Esporte News Mundo

O Juventude subiu! Com muito drama, o time de Thiago Carpini venceu o Ceará, neste domingo (25), no Estádio Presidente Vargas, pela última rodada da Série B, e se garantiu na elite do futebol brasileiro. Janderson fez o gol do Ceará, mas Erick Farias, Jadson e Ruan viraram pro time de Caxias do Sul. O "Papo" ainda ficou com o vice-campeonato, com 65 pontos. O Ceará encerrou sua participação com 50 pontos, na 11ª posição.

+ Para saber tudo sobre o que acontece na Série B do Campeonato Brasileiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

O JOGO

Mesmo sem responsabilidade no encerramento da Série B, o Ceará começou melhor que o Juventude no PV. Aos 16, Léo Santos avançou e apareceu como elemento surpresa dentro da área, cruzando pra trás, pelo lado esquerdo. Alan Ruschel não conseguiu cortar e a bola sobrou limpa pra Janderson encher o pé e abrir o placar. O próprio Janderson teve outra grande chance aos 26, depois de receber livre dentro da área, mas o chute do atacante parou em Thiago Couto.

O Juventude só mostrou que queria o acesso aos 35. Depois de uma jogada pelo lado direito, Gabriel Taliari apareceu cara a cara com André Luiz, mas foi travado pelo goleiro Alvinegro. Aos 41, o Verdão chegou ao empate. Matheus Vargas arriscou de longe, André Luiz bateu roupa e deixou a bola nos pés de Erick Farias, que com o gol vazio, não teve dificuldades pra deixar tudo igual pouco antes do intervalo.

Sem pressão, o Ceará parecia muito confortável e David Ricardo acertou a trave, aos nove minutos, depois de uma confusão dentro da área, mas a bola saiu. A partir daí, a arbitragem virou assunto. Aos 10, Saulo Mineiro dividiu uma bola com Luiz Gustavo e o árbitro enxergou uma agressão do atacante do Ceará, expulsando o jogador. Depois da revisão do VAR de seis minutos, Caio Max mudou a cor do cartão de Saulo e apresentou o segundo pra Luiz Gustavo, que foi expulso.

Aos 26, Erick Pulga cortou pro meio e caiu depois de ser tocado por Alan Ruschel. O árbitro não teve dúvidas e apontou pra marca do pênalti. Depois de mais cinco minutos de revisão, o juiz voltou atrás e anulou o pênalti. O lance parece ter mexido com o time da casa, que ficou muito desarrumado e tomou a virada aos 34. Jadson disparou com campo aberto, se aproximou da área e encheu o pé pra vencer André Luiz.

Aos 38, o Juventude matou o jogo e confirmou o acesso. Mandaca ficou com a bola dentro da área, pelo lado direito, parou na frente da marcação e achou um belo passe, cortando a pequena área e encontrando Ruan, livre do outro lado pra só empurrar a bola pra dentro do gol. A última chance do jogo foi do Vovô, aos 44 minutos, mas o chute de Erick Pulga passou raspando a trave.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade