1 evento ao vivo

Pachuca goleia o Al Jazira e fica com o 3º lugar no Mundial

16 dez 2017
13h59
atualizado às 15h47
  • separator
  • comentários

Participando pela quarta vez do Mundial de Clubes, o Pachuca garantiu a conquista do terceiro lugar do torneio neste sábado pela primeira vez. Enfrentando o Al Jazira de Romarinho no estádio Zayed Sports City, em Abu Dhabi, os mexicanos demonstraram bastante consistência ao longo dos 90 minutos e foram contundentes para chegar ao triunfo por 4 a 1, gols de Urretaviscaya, Jara, De La Rosa e Sagal. Khalfan Arlrezzi foi o autor do único tento dos anfitriões.

Angelo Sagal marca para o Pachuca no Mundial de Clubes
Angelo Sagal marca para o Pachuca no Mundial de Clubes
Foto: Reuters

Romarinho entrou em campo com a possibilidade de terminar a competição como artilheiro. Com dois gols na competição, o ex-corintiano estava empatado com o brasileiro Mauricio, do Urawa Reds, porém, embora tenha sido mais uma vez o destaque do Al Jazira, não conseguiu balançar as redes.

Neste sábado o Al Jazira adotou uma postura em campo muito diferente do que foi contra o Real Madrid. Mais solta e ofensiva, a equipe dos Emirados Árabes Unidos tinha Romarinho como principal peça de desafogo e foi justamente em jogadas que tiveram a sua participação que os anfitriões conseguiram chegar com perigo.

Ainda assim, o Pachuca foi quem pressionou mais na primeira etapa. Logo no início do jogo chegou com perigo com Sánchez, que bateu à direita do goleiro. Depois, em cobrança de falta, a zaga do Al Jazira até ganhou no alto, mas acabou cabeceando contra o próprio gol e mandando na trave. No entanto, a superioridade dos mexicanos só foi surtir efeito aos 37 minutos, com Jonathan Urretaviscaya, que aproveitou enfiada para invadir a área e bater com a parte externa do pé, sem chances para Al Senaani.

No segundo tempo o confronto ficou ainda mais movimentado. Logo aos 12 minutos Khalfan Alrezzi aproveitou o bate-rebate dentro da área para pegar o rebote e encher o pé, empatando a partida para o Al Jazira. Porém, os donos da casa não tiveram muito tempo para comemorar. Três minutos depois o Pachuca esfriou os ânimos dos adversários em contra-ataque pela esquerda com Jara, que recebeu grande cruzamento rasteiro pela esquerda e bateu firme, sem chances para o goleiro, retomando a vantagem no marcador.

Daí em diante o Pachuca se fechou e esperou o Al Jazira vir para cima. Desta maneira, os mexicanos passaram a explorar os espaços deixados pelos adversários para tentar matar o jogo e assegurar a conquista do terceiro lugar. Aos 34 minutos, De La Rosa recebeu passe em profundidade e saiu cara a cara com o goleiro, tocando no canto para garantir a vitória dos Tuzos. Antes do apito final, aos 39, Sagal, de pênalti, ainda transformou o triunfo em goleada ao bater no canto direito de Al Senaani.

FICHA TÉCNICA

AL-JAZIRA-EAU 1 x 4 PACHUCA-MEX

Local : Zayed Sports City Stadium, em Abu Dhabi (E.A.U.)

Data : 16 de dezembro de 2017, sábado

Horário : 12 horas (de Brasília)

Árbitro : Malang Diedhiou (Senegal)

Assistentes : Djibril Camara e El Hadji Samba (ambos de Senegal)

Gols: Urretaviscaya, aos 37 minutos do 1ºT; Jara, aos 15 minutos do 2ºT; De La Rosa, aos 34 minutos do 2ºT; Sagal, aos 39 minutos do 2ºT (Pachuca); Khalfan Alrezzi, aos 12 minutos do 2ºT (Al Jazira)

Cartões amarelos: Boussoufa, Juma e Ramadan (Al Jazira); Jara (Pachuca)

AL-JAZIRA-EAU : Al Senaani; Fayez, Khalfan, Juma e Rashid; Mohamad Al Attas (Salim Ali), Yaqoub Al Hosani (Ramadan), Alrezzi (Rabia) e Romarinho; Ali Mabkhout e Boussoufa

Técnico : Henk ten Cate

PACHUCA-MEX : Blanco; Lopez, Gonzalez, Murillo e Emmanuel García; Jorge Hernández (Pablo López); Urretaviscaya (Tony Figueroa), Sánchez e Aguirre; Franco Jara (De La Rosa) e Sagal

Técnico : Diego Alonso

Veja também

Avô sul-coreano faz sucesso no Instagram com aquarelas criadas para os netos

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade