PUBLICIDADE

Salah confirma presença na Copa do Mundo, diz jornal egípcio

27 mai 2018 11h43
| atualizado às 11h53
ver comentários
Publicidade

Até o momento, o final de temporada de Mohamed Salah não está sendo como todos imaginavam. Lesionando o ombro em uma queda provocada por Sergio Ramos, do Real Madrid, na final da Liga dos Campeões, o meia-atacante do Liverpool preocupou o mundo do futebol com a possibilidade de não poder jogar a Copa do Mundo. De acordo com o jornal egípcio Al Ahram, porém, o próprio jogador já teria assegurado sua presença na Rússia.

Mohamed Salah, do Liverpool, sofreu lesão no primeiro tempo da final da Champions contra o Real Madrid e deixou o jogo
Mohamed Salah, do Liverpool, sofreu lesão no primeiro tempo da final da Champions contra o Real Madrid e deixou o jogo
Foto: Kai Pfaffenbach / Reuters

Segundo a publicação, o atleta teria entrado em contato com a família após os primeiros exames, para avisar que não chegou a sofrer nenhuma fratura e garantir que defenderá o Egito no Mundial. A lesão, ligamentar, seria leve e não exigiria um tratamento tão complexo a ponto de impedir o "Faraó" de entrar em campo pela seleção nacional, a qual reforçou a informação por meio do twitter.

De acordo com a BBC, por sua vez, as suspeitas são de que o atacante teria deslocado o ombro, uma lesão que não deve impedir, até segunda ordem, sua participação no Mundial da Rússia.

Salah foi substituído após cerca de 30 minutos em campo. O Liverpool dominava as ações da partida quando, em disputa de bola com Sergio Ramos, o egípcio caiu sobre o próprio ombro e não teve condições de seguir no gramado, indo às lágrimas para os vestiários. O Real Madrid melhorou no jogo e acabou vencendo por 3 a 1, conquistando seu 13° título da Liga dos Campeões, o terceiro consecutivo.

Autor de 44 gols pelo Liverpool nesta temporada, Salah ganhou o mundo do futebol ao se tornar o primeiro, em uma década, a fazer frente com Cristiano Ronaldo e Lionel Messi na disputa pelo prêmio de Melhor Jogador do Mundo. Herói nacional, foi responsável por levar o Egito de volta a uma Copa depois de 28 anos de ausência.

Veja também

'Salahmania' se espalha pelo Egito com início do Ramadã:

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade