0

Juve poupa CR7, joga mal e perde a primeira no Campeonato Italiano

17 mar 2019
10h35
atualizado às 10h36
  • separator
  • 0
  • comentários

Neste domingo, caiu a última equipe invicta do Campeonato Italiano, que, neste final de semana, completou sua 28ª rodada. No Estádio Luigi Ferraris, a Juventus não levou Cristiano Ronaldo a campo e levou a pior diante do Genoa, que foi amplamente superior na partida e venceu por 2 a 0. Sturaro e Pandev marcaram os gols.

Mesmo com a invencibilidade quebrada, a Vecchia Signora ainda sobra na liderança da competição, com 75 pontos ganhos, 18 a mais que o vice-líder Napoli, que ainda joga nesta rodada. Os comandados de Cesare Prandelli, por outro lado, ocupam apenas a 12ª colocação da tabela, com 33 pontos somados.

Na próxima rodada, a Juve retorna a Turim, onde receberá o Empoli no Juventus Stadium. Já os Grifoni, por sua vez, visitarão a Udinese no Estádio Friuli.

O Jogo

O duelo começou equilibrado no Luigi Ferraris. Jogando em casa, o Genoa não se intimidou diante dos líderes do campeonato e foi quem assustou primeiro. Aos 10 minutos, Kouamé arriscou da meia-lua, mas acabou errando o alvo.

Aos 16, os donos da casa voltaram a levar perigo. Dentro da área, Kouamé foi travado por Rugani e a bola sobrou para Sanabria na marca do pênalti. O primeiro gol do jogo só não saiu porque Perim foi muito bem no lance e conseguiu fazer a defesa.

Com 29 rodados, o lance se repetiu. Após cobrança de escanteio, Sanabria aproveitou a bola viva dentro da área e, mais uma vez, exigiu a ação de Perim.

A Juventus teve bastante dificuldade para chegar à frente. Sem Cristiano Ronaldo e com um Dybala extremamente apagado, o repertório ofensivo da equipe deixou bastante a desejar nos primeiros 45 minutos.

Na volta do intervalo, a Vecchia Signora deu sinais de que poderia alterar o cenário da partida. Aos 10 minutos, Dybala recebeu de Cancelo na área e, contando com o desvio, matou o goleiro Radu. O problema é que o gol não valeu, anulado pelo árbitro, que assinalou impedimento no lance.

A Juve seguiu pressionando, mas sem espaço para finalizar. Melhor para o Genoa, que, na primeira boa chance que teve, não desperdiçou. Foi aos 26 minutos, com Pandev rolando para Sturaro na entrada da área e o volante batendo colocado, no canto direito. Enganado pelo quique, Perim, desta vez, não alcançou: 1 a 0.

Mesmo com o gol, o time da casa não diminuiu o ritmo e, 10 minutos depois, chegou ao segundo. Em rápido contra-ataque puxado por Kouamé, Pandev saiu na cara do gol e, de primeira, bateu cruzado, no cantinho, para ampliar a contagem e sacramentar a vitória dos anfitriões.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade