PUBLICIDADE

Uefa investiga relação de Ibrahimovic com site de apostas

Atacante sueco, que recentemente renovou com o Milan, pode pegar até três anos de suspensão

26 abr 2021 16h51
| atualizado às 17h31
ver comentários
Publicidade

A Uefa abriu investigação sobre o possível envolvimento do atacante Zlatan Ibrahimovic, do Milan, com o site de apostas Bethard.com. O sueco pode ser banido do futebol por até três anos. A informação da ligação do jogador com o site foi divulgada pelo jornal sueco Aftonbladet, no começo de abril. O código de ética da Fifa não permite que atletas ou outras pessoas envolvidas com futebol tenham interesses financeiros em casas de apostas.

A reportagem explicou que a empresa comandada pelo atacante, a Zlatan Unknown AB, tem 10% de participação acionária na Gameday Group PCL, empresa que é a única dona da Bethard.com. Em 2020, o site de apostas teve lucro de € 30 milhões (R$ 203 milhões, na cotação atual). O diretor geral da empresa, Erik Skarp, confirmou a participação de Ibrahimovic ao Aftonbladet.

O banimento por até três anos é uma das punições previstas para atletas que violem as regras, além da aplicação de uma multa de € 100 mil (R$ 677 mil). A punição poderia representar o fim da carreira de Ibrahimovic, que já tem 39 anos. Na semana passada, o atacante sueco renovou o contrato com o Milan por mais uma temporada.

Em 2020, Daniel Sturridge, atacante com passagens por Chelsea e Liverpool, foi banido por quatro meses do futebol por fornecer informações privilegiadas ao irmão para que fizesse apostas sobre uma possível transferência do jogador para o Sevilla, que acabou não se concretizando.

Ibrahimovic em disputa pelo Milan
Ibrahimovic em disputa pelo Milan
Foto: ANSA / Ansa

 

Estadão
Publicidade
Publicidade