PUBLICIDADE

Jogador do City é acusado de estupro e assédio sexual

Jogador de 27 anos é preso e irá a julgamento nesta sexta-feira. De acordo com a polícia britânica, crimes ocorreram entre outubro de 2020 e agosto de 2021

26 ago 2021 13h32
| atualizado às 13h54
ver comentários
Publicidade

O Manchester City anunciou nesta quinta-feira que o lateral-esquerdo Benjamin Mendy foi afastado e suspenso do clube após uma acusação policial. A equipe de Pep Guardiola não divulgou os motivos, mas as autoridades britânicas afirmaram que o atleta é investigado por estupro e assédio sexual.

Mendy, do Manchester City, está preso acusado de estupro e assédio sexual (Foto: MICHAEL REGAN / POOL / AFP)
Mendy, do Manchester City, está preso acusado de estupro e assédio sexual (Foto: MICHAEL REGAN / POOL / AFP)
Foto: Lance!

De acordo com o comunicado da polícia britânica, são quatro denúncias de estupro e uma de assédio de três vítimas de mais de 16 anos. Os crimes teriam ocorrido entre outubro de 2020 e agosto de 2021.

Ainda de acordo com o comunicado policial, Mendy está preso sob custódia e comparecerá a tribunal para julgamento nesta sexta-feira.

Desde 2017 no Manchester City, Mendy já colecionou algumas polêmicas fora de campo. Na virada de ano, o jogador foi acusado de dar uma festa com várias modelos, desrespeitando protocolos da Covid-19.

Ao todo, o lateral-esquerdo de 27 anos tem 75 partidas disputadas pelo clube inglês, com dois gols marcados e 12 assistências. Na atual temporada, o ala entrou em campo duas vezes.

Lance!
Publicidade
Publicidade