PUBLICIDADE

Kompany defende criação de liga conjunta entre Bélgica e Holanda

13 nov 2018 18h43
| atualizado às 18h43
ver comentários
Publicidade

Capitão do Manchester City e um dos líderes da seleção belga, o zagueiro Kompany disse que o futebol de seu país precisa de mudanças para concorrer com os grandes campeonatos da Europa. Desse modo, o jogador de 32 anos sugeriu uma liga conjunta entre Bélgica e Holanda, nações que possuem uma rivalidade histórica.

"Eu olho para o futuro do futebol de uma maneira completamente diferente, em primeiro lugar e acima de tudo que as competições dos pequenos países deveriam se unir. Simples assim. Eu não entendo porque países como a Bélgica e a Holanda não se juntam e fazem uma maior concorrência para recriar melhores equipas europeias. É horrível ver que Anderlecht, Club Brugge e Standard Liége, não podem competir contra o Barcelona e o Real Madrid", declarou o jogador em entrevista ao site belga Sporza.

Segundo o defensor, os países "menores" precisam de mudanças imediatas caso queiram participar da Superliga, torneio divulgado pela Football Leaks em que os gigantes do Velho Continente planejam disputar a partir de 2021.

"Acho que as competições de todos os países pequenos devem se unir. Nos países escandinavos, Áustria, Suíça … não entendo por que eles ficam para trás com ligas pequenas, que nunca vão ultrapassar o poder das grandes ligas.", completou o zagueiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade