PUBLICIDADE

Arsenal

Mikel Arteta revela inspiração em Arsène Wenger no comando do Arsenal: "Aprendi muito com ele"

28 jul 2023 - 21h17
Compartilhar
Exibir comentários

O lendário ex-treinador Arsène Wenger, um dos maiores ídolos do Arsenal foi homenageado nesta sexta-feira por seu período vitorioso no clube. Mesmo depois de cinco anos longe do comando dos Gunners, o francês segue sendo influente nos vestiários da equipe. Mikel Arteta, atual técnico dos vice-campeões da Premier League, revelou sua inspiração no ex-comandante.

Foto: ( Divulgação/Arsenal) / Gazeta Esportiva

Por ter conquistado três Campeonatos Ingleses e duas Copas da Inglaterra, Wenger foi homenageado com uma estátua no lado de fora do Emirates Stadium, casa do Arsenal em Londres. Arteta reconheceu a grandeza do ex-treinador, com quem trabalhou enquanto ainda era jogador e atuava pelos Gunners.

"No final da minha carreira de jogador, comecei a falar com Arsène sobre ir para o cargo de treinador e gerente, e ele me disse que já havia antecipado isso. Mesmo no primeiro ano, quando cheguei aqui, ele me dizia: 'um dia você vai ser técnico', e eu não estava pensando muito nisso naquela época", disse.

Arteta foi treinado por Wenger durante seus cinco anos como jogador do Arsenal. Agora como técnico, o espanhol revelou se inspirar no lendário comandante para liderar a equipe atualmente, principalmente em relação a sua lealdade com o clube e seus companheiros.

"Aprendi muito com ele e se tivesse que escolher um dos seus muitos grandes valores, seria o quão leal ele era e o quanto ele defendia o clube, seus jogadores e o futebol em geral", disse. "A paixão que ele tem pelo jogo é simplesmente fenomenal e você pode ver isso. Ele realmente queria respeitar o jogo e queria que fosse jogado de uma certa maneira. Além disso, a maneira como ele sempre coloca o clube à frente de qualquer interesse pessoal em todos os momentos é algo que tentei aprender com ele", seguiu.

"A forma como defendeu o clube, a forma como se apresentou, a forma como foi leal aos jogadores e ao seu staff é algo que tirei muito dele. Ele é um exemplo para mim", completou.

Na última temporada, o Arsenal passou perto de conquistar o título inglês, mas esbarrou na soberania do Manchester City. Muito bem reforçados nesta janela de transferências, os Gunners são grandes candidatos para brigar pela taça nesta temporada que está prestes a começar.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade