PUBLICIDADE

Conheça o Guangzhou Evergrande, time de empresa chinesa que derrubou a bolsa de valores

Empresa do clube chinês está com um temor no mercado global por um risco de calote; Guangzhou FC foi destaque no futebol asiático com brasileiros

20 set 2021 21h02
ver comentários
Publicidade

Com a tensão no mercado global gerada pela China pela gigante imobiliária Evergrande por conta do risco de um calote, o Guangzhou, time da empresa chinesa, que foi casa de grandes jogadores brasileiros por anos, aparece novamente como destaque do futebol.

Paulinho foi destaque da equipe chinesa (Foto: AFP)
Paulinho foi destaque da equipe chinesa (Foto: AFP)
Foto: Lance!

Comprado pela Evergrande Real Estate Group ainda quando a equipe estava na segunda divisão chinesa, o Guangzhou Evergrande. Em 2010, o brasileiro Muriqui foi o principal jogador do time na campanha da Série B, conquistando o título da competição e a classificação para a elite.

Para mostrar o seu poder no mercado global, o Guangzhou contratou o argentino Darío Conca em 2011. O jogador havia sido eleito o melhor jogador do Campeonato Brasileiro no ano anterior, e recebeu o terceiro maior salário do mundo na época ao assinar com a equipe chinesa.

Com o objetivo de se tornar o 'Chelsea Asiático', o Guangzhou investiu no comando técnico, e contratou o italiano Marcelo Lippi, campeão da Copa do Mundo de 2006. Com o treinador, os chineses conquistaram a Super Liga Chinesa três vezes e a Champions Asiática em uma ocasião no ano de 2013.

No ano de 2015, Fabio Cannavaro assumiu o comando da equipe, e conquistou títulos em suas duas passagens pelo time. Ainda assim, o treinador destaque do Guangzhou foi Felipão, também campeão da Copa do Mundo. O brasileiro conquistou seis títulos nacionais e levantou a taça da Champions Asiática.

Na última Super Liga Chinesa, o Guangzhou Evergrande terminou o campeonato na segunda colocação com 30 pontos somados.

Lance!
Publicidade
Publicidade