2 eventos ao vivo

Vidal vislumbra retorno de Neymar para o Barcelona: "Seria lindo"

18 jun 2019
05h07
atualizado às 05h07
  • separator
  • 0
  • comentários

O chileno Arturo Vidal comentou na noite da segunda-feira sobre a vitória da sua equipe sobre o Japão, na estreia da Copa América, mas abriu o maior sorriso ao ser questionado a respeito da possibilidade de ser companheiro de Neymar na próxima temporada. Atleta do Barcelona, ele foi breve sobre o assunto, mas abriu as portas para o atacante Brasileiro retornar ao seu ex-clube.

"Seria lindo, as pessoas adoram ele lá", disse o meio-campista, arrastado pela zona mista por uma assessoria, mas mantendo um ótimo humor a cada breve parada que fazia para responder os jornalistas. Campeão espanhol nesta temporada, o Barça tenta voltar a levantar o título da Liga dos Campeões, competição que ganhou pela última vez quando o camisa 10 da Seleção estava no grupo, em 2015.

À espera de uma definição a respeito do possível novo companheiro, o chileno de 32 anos foi quem mais atraiu holofotes. Simpático com a aglomeração, Vidal ainda fez questão de tranquilizar a todos sobre a sua saída de campo. Na parte final do segundo tempo, quando o placar ainda mostrava 2 a 0, ele foi ao solo e logo pediu substituição.

"Não, não foi nada. É precaução apenas, estou bem", continuou o meio-campista, ovacionado ao ser anunciado pelo alto-falante e ao deixar o gramado. Para o grande ídolo dessa geração de chilenos, a possibilidade do tricampeonato continental é real para a geração, principalmente após a decepção de não se classificar para a Copa do Mundo da Rússia, no ano passado.

"Foi a primeira partida, foi importante ter feito isso. Tivemos muitos dias de preparação, muitos dias para ver as partidas. Os amistosos não foram bons, mas na parte importante apareceu o verdadeiro Chile. Somos os campeões, temos de defender o título. Sabemos que será difícil, mas temos de ir jogo a jogo e seguir melhorando", concluiu Vidal.

Ele e o resto do elenco agora rumam para Salvador, local da partida contra o Equador, na sexta-feira, às 20h (de Brasília). A equipe ainda fecha a primeira fase na segunda-feira, também às 20h (de Brasília), no confronto de favoritos frente ao Uruguai. O duelo será no Maracanã.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade