PUBLICIDADE

Técnico da Argentina elogia Itália antes da Finalíssima: "Ficaram de fora da Copa injustamente"

31 mai 2022 - 17h14
Ver comentários

O técnico Lionel Scaloni, da Argentina, concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira para falar sobre a Finalíssima que será disputada contra a Itália, em Wembley. O técnico falou da preparação de sua equipe e elogiou a Azzurra, comandada por Roberto Mancini.

"Logicamente que gostaríamos de ganhar, é um troféu, um título, mas o mais importante é o objetivo traçado em novembro (Copa do Mundo). Seguir com uma linha de jogo. Jogar com essa camisa sempre implica em jogar de igual para igual e competir ao máximo, independentemente se ganhamos ou não", disse Scaloni.

O fato da Itália ter ficado de fora da Copa do Mundo do Catar não quer dizer muita coisa para Scaloni. Para o treinador, a derrota contra a Macedônia do Norte foi injusta.

"Itália ficou fora da Copa do Mundo injustamente. Estamos falando da vencedora da Eurocopa. Do meu ponto de vista ficaram fora por aspectos que só o futebol explicam, quando a bola não entra. O técnico (Mancini) deu uma identidade ao time que há anos eles não tinham. Agora eles têm oportunidade de começar do zero. Estou contente que a Itália confiou em um treinador mesmo sem se classificar ao Mundial, quer dizer que ele fez algo importante", completou.

Argentina e Itália se enfrentam nesta quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), em Londres, no estádio de Wembley. O jogo marca o encontro entre o vencedor da Copa América e da Eurocopa.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade