PUBLICIDADE

Argentina

Messi celebra vitória histórica da Argentina sobre o Brasil, mas lamenta briga entre torcedores no Maracanã

22 nov 2023 - 00h55
(atualizado às 01h22)
Compartilhar
Exibir comentários

A Argentina contou com gol de cabeça do zagueiro Otamendi para vencer o clássico contra o Brasil, na noite desta terça-feira (21), no Maracanã, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026. Após o apito final, o astro Lionel Messi celebrou o histórico triunfo — foi a primeira vez que a Seleção Brasileira foi superada dentro de casa no torneio classificatório para o Mundial —, mas lamentou a briga entre torcedores que adiou o início do jogo.

"A verdade é que esse grupo continua conseguindo coisas históricas, uma vez mais. É das mais importantes que esse grupo conseguiu. É algo muito lindo poder ganhar aqui no Brasil, com a força que eles têm jogando em casa em toda a história", disse em entrevista ao SporTV.

"Víamos como estavam batendo nas pessoas. A polícia, como ocorreu na final da Libertadores, outra vez reprimindo as pessoas com os cassetetes. Havia jogadores que tinham família ali. Você pensa na família, nas pessoas que estão ali e não sabem bem o que está acontecendo. Ficamos mais preocupados com isso do que com jogar a partida que, chegando nesse ponto, é secundária".

Com o resultado, os argentinos seguem na liderança da competição, com 15 pontos. Já o Brasil chegou à terceira derrota seguida e caiu para a sexta colocação, com sete.

As seis primeiras seleções garantem vaga na Copa do Mundo de 2026. A sétima vai para a repescagem.

O próximo compromisso da Argentina pelas Eliminatórias é apenas em 5 de setembro de 2024, contra o Chile, em casa, pela sétima rodada. No mesmo dia, a Seleção Brasileira recebe o Equador. Antes disso, haverá a disputa da Copa América, que será nos Estados Unidos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade