PUBLICIDADE

Após polêmica, 5 clubes ingleses abandonam a Superliga

Projeto contava com doze dos maiores clubes da Inglaterra, Itália e Espanha

20 abr 2021 19h26
| atualizado às 19h41
ver comentários
Publicidade

Mais quatro equipes do Reino Unido anunciaram nesta terça-feira que estão deixando o projeto que visa criar uma 'Superliga Europeia'. O projeto contava com doze dos maiores clubes da Inglaterra, Itália e Espanha.

Foto: Reuters

Mais cedo, o Manchester City confirmou que também está deixando o projeto. Além dos clubes ingleses, Barcelona, Real Madrid, Atlético de Madri, Juventus, Inter de Milão e Milan fazem parte do grupo de times interessados em criar uma competição paralela e gerida pelos clubes fundadores.

"Depois de escutar todos vocês e a comunidade do futebol como um todo nos últimos dias, estamos deixando o projeto da Superliga. Cometemos um erro, e pedimos desculpas por isso", publicou o perfil do Arsenal.

"O Liverpool FC confirma que não participa mais dos planos propostos de criar uma Superliga Europeia", escreveu o Liverpool.

"Confirmamos que iniciamos formalmente os procedimentos para nos desligar do grupo que está desenvolvendo a proposta da Superliga Europeia", anunciou o perfil oficial do Tottenham.

"Não iremos participar da Superliga Europeia", declarou o Manchester United.

Até o momento da publicação, o Chelsea não anunciou nenhum novo posicionamento. A equipe londrina passa a ser a única do país ainda inscrita no projeto.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade