PUBLICIDADE

Filho de ex-jogador morreu após explosão de réchaud

Acidente doméstico aconteceu no último dia 13 durante confraternização em Santos

23 fev 2022 - 12h27
Compartilhar
Exibir comentários

Daniel Asafi Rodrigues de Arruda, de 14 anos, filho do técnico Axel e jogador da base do São Caetano, morreu um acidente doméstico causado pela explosão de réchaud abastacido com álcool em gel. A informação foi confirmada pela polícia.

Filho de Axel, técnico do São Caetano, morre após acidente doméstico.
Filho de Axel, técnico do São Caetano, morre após acidente doméstico.
Foto: Divulgação/AD São Caetano / Estadão

Axel e o filho sofreram queimaduras graves durante uma festa familiar realizada em Santos, no litoral de São Paulo, no último dia 13. O auxiliar-técnico do São Caetano, Marquinhos Pitbull, também estava no evento. Após passar mais de uma semana internado, o filho de Axel não resistiu aos ferimentos e morreu na tarde de terça-feira.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) lamentou a morte do jovem em nota. "A Federação Paulista de Futebol lamenta o falecimento de Daniel Asafi Rodrigues de Arruda, de 14 anos, atleta das categorias de base do São Caetano e filho do ex-jogador e atual treinador do clube do ABC, Axel Rodrigues de Arruda".

Axel, dde 52 anos, foi um meio-campista de sucesso no futebol brasileiro, com passagens por Santos, São Paulo, Sevilla-ESP e Cerezo Osaka-JAP. Assumiu o comando do clube com a Série A2 do Paulista em andamento. O Azulão volta a campo na próxima quarta-feira, às 16h, contra o RB Brasil, em Bragança Paulista. Ainda não há confirmação se Axel estará no banco de reservas da equipe. Após o acidente, ele passa bem.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade