PUBLICIDADE

Felipão prova no Athletico-PR que idade não é documento

Técnico gaúcho de 73 anos mudou rumo do clube paranaense

29 jun 2022 - 09h19
Ver comentários
Publicidade
Felipão durante partida entre Coritiba e Athletico Paranaense
Felipão durante partida entre Coritiba e Athletico Paranaense
Foto: João Heim/Zimel Press / Gazeta Press

O provérbio “idade não é documento” pode ser aplicado ao técnico Luiz Felipe Scolari, campeão mundial com a Seleção Brasileira em 2002, no Japão. Aos 73 anos, ele mudou a rotina do Athletico-PR em dois meses e meio e tem um aproveitamento muito bom desde então: em 14 jogos, o time perdeu apenas uma vez, empatou três e ganhou dez - o último triunfo veio nessa terça (28), contra o Libertad (2 a 1), na Arena da Baixada, pela Libertadores.

Felipão é o técnico de mais idade entre todos os que comandam os 60 clubes das Séries A, B e C do Brasileiro. Se juntarmos as 64 equipes que disputam a Série D, ele ficaria em segundo lugar nesse quesito, atrás apenas de Aderbal Lana, do São Raimundo-AM, com 75 anos.

Com o resultado dessa terça, pelas oitavas de final da Libertadores, o Athletico-PR chegou a quatro vitórias consecutivas. Nos 14 jogos desde que assumiu o time em maio, foram 30 gols marcados, uma média superior a dois por partida. Nesse período, a equipe saltou do 16º para o 3º lugar no Brasileiro. Está na briga pelo título, ao lado de Palmeiras, Corinthians, Internacional e Atlético-MG.

Além de brigar na Libertadores e no Brasileiro por objetivos mais altos, o Athletico-PR também aposta na Copa do Brasil, na qual saiu em vantagem sobre o Bahia na primeira partida entre ambos pelas oitavas de final da competição – venceu por 2 a 1 fora de casa. Em 2019, obteve seu primeiro título da Copa, em final contra o Internacional. No ano passado, foi vice, perdendo para o Atlético-MG.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade