1 evento ao vivo

Presidente do Atlético ataca Fred: "pare de falar e pague"

21 abr 2019
12h25
atualizado às 12h47
  • separator
  • 0
  • comentários

Após o título do Campeonato Mineiro, o atacante Fred desabafou aos jornalistas e disse que ao marcar o gol procurou o presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara. O atleta deixou o clube alvinegro no fim de 2017 e foi direto para o Cruzeiro, mas na ocasião o próprio avante e seus representantes confirmaram, em contrato, que não fariam tal movimentação e, se caso fosse feito, o jogador seria penalizado com a multa de R$ 10 milhões. O mandatário alvinegro, rebateu seu ex-funcionário e mandou ele pagar a dívida.

Foto: Rodney Costa/Agência Eleven / Gazeta Press

"Me espanto ele dizer que foi escorraçado. O que aconteceu é que nós fizemos um acordo para ele sair. Ele (Fred) assinou, o procurador dele assinou, ele tinha um advogado, que também assinou, e ele não cumpriu. Ele não cumpriu, foi condenado, e acho que ele devia parar de falar e pagar, ao invés de ficar conversando fiado por aí", destacou.

Após fechar com o Cruzeiro, no dia seguinte à assinatura para sair do Atlético, o clube alvinegro acionou a Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) para receber o valor de R$ 10 milhões. O Cruzeiro entrou no negócio ao também assinar um contrato confirmado que, caso Fred fosse cobrado, pagaria para o atleta.

Fred chegou ao Cruzeiro em 2018, mas só fez sucesso em 2019. No primeiro ano, ainda no Campeonato Mineiro, o atleta teve uma grave contusão que fez o atacante parar na mesa de cirurgia e o afastou por pouco mais de seis meses.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade