6 eventos ao vivo

Escola indígena acompanha treino alemão e presenteia Klose

9 jun 2014
11h32
atualizado às 12h53
  • separator
  • comentários

O foco do treino da Alemanha nesta segunda-feira, em Santo André, vila próxima a Santa Cruz Cabrália, na Bahia, não foram as jogadas de Müller, Özil e Schweinsteiger. Uma torcida diferente chamou a atenção, "invadiu" o treino e presenteou o atacante Miroslav Klose, aniversariante do dia.

Alemanha abriu o treino para grupo indígena na Bahia
Alemanha abriu o treino para grupo indígena na Bahia
Foto: AP

Cerca de 20 indígenas da Escola Indígena Pataxó de Coroa Vermelha, uma das últimas praias de Cabrália antes de Santo André, compareceram ao Campo Bahia para acompanhar o treino da seleção alemã, que foi aberto ao público - cerca de 500 ganharam um passe. Após a atividade, eles fizeram uma apresentação com dança e cantos. Os jogadores, empolgados e curiosos, juntaram-se e participaram da brincadeira.

"Vimos esse treino da Alemanha como oportunidade de divulgar nossa cultura. Somos resistentes há mais de 500 anos. Somos um povo guerreiro, de muita luta, e queremos mostrar nossa cultura para o mundo", disse Vilma Matos, diretora da escola.

Depois da "farra" no treino, os indígenas deram dois presentes a Klose, que completou 36 anos nesta segunda: um arco e flecha, entregue por um policial, pelo fato de o objeto ser pontiagudo e perigoso, e um maracá, um instrumento de dança, uma espécie de chocalho.

Por fim, alguns jogadores da seleção ainda foram de encontro ao público e deram autógrafos e tiraram fotos com os fãs baianos.

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • comentários
publicidade