4 eventos ao vivo

Loco Abreu diz que ainda não caiu a ficha do que foi a Copa

13 jul 2010
11h20

O atacante do Botafogo Sebastián Abreu participou de uma campanha histórica do Uruguai, que chegou ao quarto lugar de uma Copa depois de muito tempo acumulando maus resultados. Ele se destacou ao bater com sua tradicional cavadinha o pênalti que deu a vitória à equipe nas quartas de final do torneio, contra Gana.

No desembarque da delegação em Montevidéu, na noite fria de segunda-freira, dezenas de torcedores esperavam no aeroporto para saudar o elenco. Durante a recepção, o jogador disse que ainda não calculou a dimensão da campanha da seleção celeste na África do Sul.

"Ainda não caiu a ficha a respeito do que aconteceu no Mundial. Temos muito carinho e afeto com as pessoas que nos apoiaram sempre, brindando-nos também com seu carinho em todos os momentos durante o Mundial", disse Abreu, antes de fazer um apelo aos dirigentes do futebol uruguaio.

"O sonho segue, temos que mantê-lo e renová-lo. Estamos ligados e espero que os dirigentes tenham noção disso tudo. O povo nos premiou por um título que não conseguimos, o carinho é enorme", afirmou.

No desembaque, Loco Abreu diz que "ainda não caiu a ficha" da campanha
No desembaque, Loco Abreu diz que "ainda não caiu a ficha" da campanha
Foto: AFP
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade