PUBLICIDADE

Copa do Brasil

Em confronto de seis gols, Vasco vence o Fortaleza nos pênaltis e se classifica para as oitavas da Copa do Brasil

Nesta terça-feira (21), em São Januário, o Vasco venceu o Fortaleza nos pênaltis por 5 a 4 e se classificou para as oitavas da Copa do Brasil. Léo Jardim defendeu o último pênalti do Fortalez.

21 mai 2024 - 23h57
(atualizado em 22/5/2024 às 00h51)
Compartilhar
Exibir comentários
Com defesa de Léo Jardim no último pênalti, o Vasco venceu o Fortaleza e se classificou para as oitavas da Copa do Brasil, em São Januário.
Com defesa de Léo Jardim no último pênalti, o Vasco venceu o Fortaleza e se classificou para as oitavas da Copa do Brasil, em São Januário.
Foto: Leandro Amorim/Vasco / Esporte News Mundo

Pela partida de volta da terceira rodada da Copa do Brasil, o Vasco da Gama se classificou para as oitavas de final após vencer o Fortaleza nos pênaltis, com defesa de Léo Jardim na quinta cobrança. No tempo normal, as duas equipes protagonizaram um emocionante 3 a 3.

A partida realizada em São Januário, começou com um maior avanço do Leão do Pici, que abriu o placar com Marinho. O Vasco empatou ainda no primeiro tempo, com gol de pênalti de Vegetti, e Lucero ampliou para o Leão, deixando novamente em vantagem.

Contudo, Vegetti recebeu cruzamento de Pumita, deixando tudo igual novamente e Lucas Piton, após passe de Payet, virou novamente para o Cruz-maltino, deixando 3 a 2. Aos 43 minutos, Hércules marcou de fora da área e empatou novamente o placar em 3 a 3, levando a partida para os pênaltis. Nas penalidades máximas, Léo Jardim pegou o último pênalti, e o Vasco venceu por 5 a 4.

PRIMEIRA ETAPA

Aos 3 minutos, Marinho recebeu passe de cabeça e deu a primeira finalização do jogo para o Fortaleza dentro da grande área, finalizando mal, fazendo a bola subir demais. O Fortaleza teve outra oportunidade, e aos 7 minutos, após falha da defesa do Vasco, Marinho recebeu passe de Pochettino, cortou para a direita e chutou cruzado, marcando o primeiro gol da partida. Dois minutos depois, o Vasco buscou reação e Adson, atacante vascaíno arriscou rasteiro de fora da área, passando perto da trave esquerda do goleiro João Ricardo, quase empatando o placar para o time da casa.

Em lance de perigo do Cruz-maltino, Marinho defendeu o cruzamento com a mão, e após checagem do VAR, pênalti para o Vasco aos 13 minutos. Na conclusão, Vegetti marcou para o Vasco, empatando a partida aos 16 minutos. O Vasco se animou com o jogo, e no contra-ataque vascaíno, Adson trocou passes com David, que cruzou em profundidade, mas o atacante não conseguiu chegar em cheio na bola, falhando na hora da finalização.

Aos 21 minutos, após tumulto do Fortaleza em cobrança de escanteio, Vasco tirou a bola, mas a equipe visitante volta ao ataque, e Pochettino arriscou cruzamento, passando por todos, porém dando perigo para o goleiro Léo Jardim.

Aos 32 minutos, Vasco e Fortaleza tentam armas suas jogadas, mas ambas as equipes erram nos passes, sem chance de perigo para João Ricardo e Léo Jardim. Aos 35 minutos, Pochettino faz jogada individual, puxa para direita e arrisca cruzamento perigoso, mas Léo Jardim se estica e tira a bola do meio da área, evitando cabeceio.

Nos próximos minutos, o time visitante controlou mais a posse de bola, e o Vasco recuou sua equipe, e o Fortaleza continuou buscando o desempate, até que aos 40 minutos, Felipe Jonatan trabalhou tabela com companheiro e cruzou na cabeça de Luceno, que acertou a trave, quase ampliando para o Leão do Pici. Vasco se manteve recuado, permitindo maior posse de bola para o Fortaleza, que aos 43 minutos, tentou outra jogada pela ponta, por meio do cruzamento de Tinga, mas Pochettino cabeceia para fora.

A equipe carioca buscou jogada no contra-ataque e Payet acerta cruzamento para Vegetti, porém o atacante argentino cabeceou para fora, pelo lado direito da trave. Na última jogada do primeiro tempo, Marinho fez jogada pela ponta, cortou para o meio e passou para Breno Lopes, que chutou no meio do gol, com defesa de Léo Jardim. Ao final da primeira etapa, 1 a 1 no placar.

SEGUNDA ETAPA

Aos 4 minutos, Fortaleza realizou escanteio curto que gerou cruzamento de Pochettino para Marinho, mas a bola estava longe demais e o ponta não conseguiu finalizar bem. No lance, Marinho sentiu a coxa e teve que ser substituído por Yago Pikachu.

Cinco minutos depois, o Fortaleza atacou em velocidade, a equipe fez troca de passes, Breno Lopes recebeu, tocou para Lucero, que sozinho marcou o segundo para o Fortaleza. A jogada primeiramente foi anulada, e após algumas revisões, gol confirmado para o Leão do Pici, que novamente desempatou o resultado.

O Vasco pareceu sentir o gol, e pouco depois, Lucero recebeu bola e arriscou de fora da área aos 12 minutos, porém o chute foi no meio do gol, sem perigo para Léo Jardim. Aos 20 minutos, o Vasco reagiu e empatou a partida. Em contra-ataque bem trabalhado, Payet acionou Pumita, que cruzou para Vegetti sozinho cabecear e empatar o placar novamente.

O Vasco não parecia satisfeito e aos 26 minutos, Pablo Vegetti recebe passe em profundidade de Puma Rodriguez, mas a bola estava longe demais e o João Ricardo defendeu o chute. Aos 30 minutos, o Vasco continuou buscando a vitória, e após passe de Payet, Lucas Piton chutou forte e a bola passou por baixo do goleiro do Fortaleza, virando novamente para o Vasco em 3 a 2. O Fortaleza tentou alcançar o empate em falta, e Zé Welison arriscou chute, mas a bola vai muito por cima do gol. Aos 39 do segundo tempo, Wilton Pereira marcou pênalti para o Fortaleza, mas após revisão no VAR, anulou a cobrança.

Aos 43 minutos, no "apagar das luzes", Hércules recebeu passe de Tinga e acertou belo chute de longe, no canto direito de Léo Jardim, deixando tudo igual novamente. Tentando uma última jogada no final, aos 49 minutos Moisés faz jogada individual e chuta colocado, porém Léo Jardim salvou com bela defesa. No apito final, partida empatada em 3 a 3, indo para os pênaltis.

PÊNALTIS

Todos os atletas pareciam estar preparados, e cada cobrança foi bem batida, deslocando o goleiro nas primeiras quatro de cada lado. Na quinta cobrança, Vegetti marcou, e pelo Fortaleza, Kervin Andrade perdeu, com defesa de Léo Jardim, que garantiu a classificação vascaína.

+ Para saber tudo sobre o Vasco da Gama, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

PRÓXIMOS CONFRONTOS

O Vasco da Gama, depois de vencer o Fortaleza e se classificar, terá seu próximo confronto contra o Cruzeiro, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, no primeiro domingo de junho (2), em São Januário.O Fortaleza, após o … voltará para campo neste domingo (26), para enfrentar o Sport Recife pela semifinal da Copa do Norteste, na Arena de Pernambuco, às 18 hrs.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade