2 eventos ao vivo
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

No sufoco, Brasil de Pelotas derrota São Bento e sobe na tabela

20 ago 2019
21h39
atualizado às 21h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Brasil de Pelotas venceu nesta terça-feira o São Bento por 2 a 1, no Estádio Bento Freitas, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com muito sofrimento, o Xavante penou para conquistar o triunfo em seus domínios. Rafael Grampola e Rodrigo Alves fizeram para o Brasil, enquanto Rodolfo fez para os paulistas

Com o resultado, o Brasil subiu para a 13ª posição, com 21 pontos. E o São Bento segue na penúltima colocação, com 16 pontos.

Na próxima rodada, o Brasil de Pelotas visita na sexta-feira o Atlético-GO, às 19h15 (Brasília), no Antônio Accioly. Já no sábado o São Bento encara o Londrina, às 16h30 (de Brasília), no Estádio do Café.

O Brasil de Pelotas venceu em casa (Foto: Carlos Insaurriaga/GEB)

O Jogo - Precisando vencer os mandantes se mandam para o ataque. Com um minuto, Murilo Rangel fez bom cruzamento da direita buscando Rafael Grampola. O centroavante desviou levando muito perigo à meta de Gabriel Félix. Muito truncado esse começo de partida no Bento Freitas.

As duas equipes maltrataram muito a bola em campo e tiveram  pouca criatividade no setor do meio-campo. Aos 24, um rebote sobrou para Diogo Oliveira na entrada da área. O meia dominou e chutou para fora. Aos 27, Rafael Grampola cabeceou dentro da área, a bola sobrou para Murilo Rangel, que completou para o gol, mas o zagueiro Joílson meteu a mão na bola impedindo o tento Xavante. O árbitro marcou penalidade e expulsou o defensor.

Depois da confusão e bate-boca entre os jogadores do Brasil e São Bento, o pênalti foi batido. Aos 30, Rafael Grampola bateu de um lado, o goleiro caiu para o outro e os donos da casa abrem o placar. Para recompor o sistema defensivo, o técnico Doriva sacou o atacante Minho para a entrada do zagueiro Elton.

Após fazer o gol, o Brasil recuou para o seu campo de defesa e deixou a iniciativa com o time paulista. Aos 43, numa troca de passes, Carlos Jatobá arriscou o chute e mandou para fora. Mesmo que não tenha apresentado um bom desempenho, o Xavante foi mais incisivo e fez por merecer a vantagem.

Na volta para o segundo tempo, o Brasil perdeu uma boa chance de ampliar o marcador. Aos dois, Rafael Grampola recebeu o lançamento, dominou e chutou para o gol, mas a bola desviou na defesa. Na tentativa de buscar a igualdade os paulistas avançaram as suas linhas ofensivas.

Mesmo com um a menos em campo, o São Bento tanto insistiu que chegou ao empate. Aos nove, Zé Roberto recebeu dentro da área e ajeitou para Rodolfo. O meia bateu de primeira sem chance para Carlos Eduardo. Com objetivo de vencer o jogo, o técnico Bolívar tirou o volante Carlos Jatobá para a entrada do atacante Rodrigo Alves.

O Xavante chegou com perigo aos 20, quando Leandro Camilo fez o desvio na primeira trave após cobrança de escanteio e assustou o goleiro Gabriel Félix. Apesar de ter mais força ofensiva e um mais no gramado, o Brasil não conseguia infiltrar no sistema defensivo do São Bento. Aos 27, Ricardo Luz fez cruzamento da direita, Branquinho tocou de cabeça e mandou para fora.

Por sua vez, os visitantes se fecharam na defesa e especularam jogadas de velocidade. Na base do abafa o Brasil conseguiu nos acréscimos chegar ao segundo gol. Aos 51, Rodrigo Alves dominou na entrada da área, ajeitou e bateu para o gol. O arqueiro pulou atrasado e viu a bola morrer no fundo da rede.

FICHA TÉCNICA

BRASIL DE PELOTAS 2 x 1 SÃO BENTO

Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas-RS

Data: 20 de agosto (terça-feira)

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)

Assistentes: Thiaggo Americano Labes (SC) e Éder Alexandre (SC)

Cartão amarelo: Rodolfo, Elton( São Bento), Ricardo Luz (Brasil de Pelotas)

Cartão vermelho: Joílson (São Bento)

Gol: Rafael Grampola (Brasil de Pelotas), aos 30 minutos do primeiro tempo e Rodolfo (São Bento), aos 09 minutos e Rodrigo Alves (Brasil de Pelotas), aos 51 minutos do segundo tempo.

Brasil de Pelotas:Carlos Eduardo,Ricardo Luz, Leandro Camilo,Bruno Aguiar e Ednei, Leandro Leite, Carlos Jatobá (Rodrigo Alves), Diogo Oliveira e Murilo Rangel (Daniel Cruz), Cristian (Branquinho) e Rafael Grampola. Técnico: Bolívar

São Bento: Gabriel Félix, Pablo, Wesley, Joílson e Mansur, Fábio Bahia, Vinícius Kiss e Rodolfo, Paulinho Bóia (Guilherme Romão), Minho (Elton) e Zé Roberto (Dudu Vieira).Técnico: Doriva

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade