PUBLICIDADE

Cruzeiro só tem 1% de chance de subir; Vasco, 4%

Dois grandes estão em apuros na Série B do Brasileiro

14 set 2021 12h41
| atualizado às 13h00
ver comentários
Publicidade

Bem que o Botafogo se recuperou na Série B e já ocupa a terceira posição na tabela. Vasco e Cruzeiro, no entanto, seguem longe do G-4 e a situação de ambos é cada vez mais difícil na competição. O time de Minas até que melhorou sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, mas precisa evitar tropeços para entrar na luta pelo acesso. No momento, só tem 1% de chance de voltar à elite em 2022.

Vasco vai mal na Série B, numa campanha que envergonha sua torcida; o mesmo se dá com o Cruzeiro
Vasco vai mal na Série B, numa campanha que envergonha sua torcida; o mesmo se dá com o Cruzeiro
Foto: Eduardo Valente/iShoot / Gazeta Press

Já o Vasco, mais bem classificado que o Cruzeiro, está com 4% de probabilidade de obter o acesso. O problema é que a equipe teve uma pane em seu desempenho, repetiu resultados ruins e levou o técnico Lisca a pedir demissão. Fernando Diniz veio substituí-lo com um discurso de que a equipe tem a obrigação de reagir para honrar a sua tradição secular. O trabalho focado no emocional dos jogadores passou a ser prioridade no clube.

Esses porcentuais pontuam a trajetória dos times com o objetivo de disputar a Série A no ano que vem e são definidos pelo engenheiro e matemático Tristão Garcia, do site infobola.com.br. Ele faz essas projeções baseado em vasta experiência acumulada há mais de 20 anos.

A Série B já completou a 23ª rodada. Faltam, portanto, 15 jogos para cada um. De acordo com os números atualizados de Tristão, dificilmente Vasco e Cruzeiro vão ascender para a Primeira Divisão neste ano. Teriam que emplacar uma sequência improvável de vitórias. Os cariocas estão em décimo lugar, com 32 pontos. Os mineiros, em 13º, com 29.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade