PUBLICIDADE

Botafogo bate CSA no Rio e sobe para o 11º lugar na Série B

Sem poder contar com o técnico Enderson Moreira, suspenso, o time carioca venceu a equipe alagoana por 2 a 0, no estádio Nilton Santos

27 jul 2021 23h46
| atualizado em 28/7/2021 às 00h10
ver comentários
Publicidade

O Botafogo venceu por 2 a 0 o CSA, nesta terça-feira, no Nilton Santos. Com o resultado, os alvinegros chegaram a 19 pontos e estão na 11ª posição da Série B do Campeonato Brasileiro. Já os alagoanos, com 18, estão logo abaixo na classificação.

Diego Gonçalves salta para comemorar após marcar o segundo gol do Botafogo
Diego Gonçalves salta para comemorar após marcar o segundo gol do Botafogo
Foto: Jorge Rodrigues/Agif/Gazeta Press

Sem o técnico Enderson Moreira, suspenso, os donos da casa sofreram no primeiro tempo, mas foram para o intervalo à frente no placar após gol de Marco Antônio. Já na etapa final, Diego Gonçalves ampliou o marcador para os botafoguenses.

Na próxima rodada, o Botafogo terá pela frente o clássico contra o Vasco, neste sábado, novamente atuando no Nilton Santos. Já o CSA encara o Remo, no domingo, em Belém.

O jogo - O confronto começou com o CSA sendo melhor no Nilton Santos. No entanto, nenhuma das equipes chegava com perigo ao gol adversário. Tanto que a primeira boa chance aconteceu somente aos 17 minutos. Renato Cajá cobrou falta na área, mas ninguém apareceu para completar. Depois, Gabriel fez boa jogada e parou em Diego Loureiro.

O Botafogo seguia buscando o ataque, mas sem inspiração. O CSA aproveitava os espaços, mas também pecava no setor ofensivo. Só que aos 42 minutos, os alvinegros abriram o placar. Rafael Navaro ganhou da zaga alagoana na raça e tocou para Marco Antônio finalizar para a rede. Assim, os donos da casa foram em vantagem para o intervalo.

No segundo tempo, o Botafogo não deu chance para o CSA esboçar uma reação. Isso porque os alvinegros aumentaram a vantagem aos sete minutos. Após disputa no alto, a bola ficou com Rafael Navarro. O atacante tocou para Diego Gonçalves chutar cruzado, sem chance para Thiago Rodrigues.

O novo revés foi sentido pelo CSA, que viu o Botafogo controlar o jogo. Os alvinegros quase ampliaram aos 22 minutos em bela jogada do ataque. Após bora troca de passes, Diego Gonçalves acertou a trave. Depois, Lucas Mezenga aproveitou falta cobrada na área e mandou no travessão. Por fim, Chay fez grande jogada individual e parou em defesa de Thiago Rodrigues.

Com o passar do tempo, o CSA melhorou e conseguiu criar algumas oportunidades. Só que os alagoanos pararam nas boas defesas de Diego Loureiro. Com isso, o Botafogo manteve a vantagem para sair de campo com mais três pontos na Série B.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 2 X 0 CSA

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ).

Data: 27 de julho de 2021, terça-feira.

Hora: 21h30 (de Brasília).

Árbitro: Douglas Schwengber da Silva (RS).

Assistentes: Andre da Silva Bitencourt (RS) e Fabricio Lima Baseggio (RS).

Cartões amarelos: Gilvan (Botafogo); Matheus Felipe e Bruno Mota (CSA).

GOLS: Marco Antônio, aos 42min do primeiro tempo; Diego Gonçalves, aos 7min do segundo tempo.

BOTAFOGO: Diego Loureiro, Daniel Borges, Gilvan, Lucas Mezenga e Guilherme Santos; Barreto, Pedro Castro (Matheus Frizzo), Marco Antônio (Ênio) e Chay (Luís Oyama); Diego Gonçalves (Romildo) e Rafael Navarro (Rafael Moura). Técnico: Luís Fernando Flores (auxiliar).

CSA: Thiago Rodrigues, Matheus Felipe (Dudu Beberibe), Lucão, Fabrício e Ernandes; Geovane, Silas (Santos) e Renato Cajá (Reinaldo); Gabriel, Dellatorre (Ewerthon) e Bruno Mota (Yago). Técnico: Ney Franco.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade