0

Santos

Santos vence Chapecoense e fica a três pontos do G4

Gazeta Press
3 set 2015
21h34
atualizado em 4/9/2015 às 11h23
  • separator
  • 0
  • comentários

O Santos está definitivamente na briga por uma vaga na próxima Copa Libertadores. Nesta quinta-feira, o time de Dorival Júnior não fez um grande jogo na Vila Belmiro, mas foi o bastante para bater a Chapecoense por 3 a 1 e estender sua invencibilidade para onze partidas. A vitória deixou o Peixe na oitava colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, com 33 pontos, a apenas três do Atlético-PR, o primeiro time dentro do G4. O clube iniciou esta 22ª rodada na 11ª posição.

Por outro lado, o time de Santa Catarina foi derrotado pela terceira vez seguida na competição nacional. Em 12º lugar, com 28 pontos, o alviverde de Chapecó ainda pode ser ultrapassado pelo Figueirense, que encara o Grêmio também nesta quinta-feira.

Sem Lucas Lima, que pode ser até titular pela Seleção Brasileira neste sábado, Dorival Júnior voltou a apostar em Marquinhos Gabriel. E o meia correspondeu dando uma linda assistência para Ricardo Oliveira marcar um belo gol e abrir o placar.

Como já virou rotina, a partida também teve uma polêmica envolvendo a arbitragem. O árbitro assinalou um pênalti muito duvidoso de Neto em cima do centroavante santista e revoltou o time de Chapecó. Porém, o camisa 9 mais uma vez bateu no canto direito do goleiro Danilo e, pela quarta vez consecutiva, viu seu adversário se sobressair com uma linda defesa.

Mas na etapa final, o alvinegro praiano definiu a vitória com tranquilidade. Primeiro com Geuvânio, que marcou um golaço em mais um forte chute de fora da área que acertou o ângulo de Danilo. E, para sair aplaudido de pé, Ricardo Oliveira aproveitou jogada ensaiada, após cobrança de escanteio, para marcar seu 14ª gol no Brasileiro e se isolar ainda mais na artilharia.

Na próxima rodada, as duas equipes atuam no domingo. O time de Santa Catarina recebe a Ponte Preta às 11 horas na Arena Condá, enquanto o Peixe visita o Sport, às 18h30, na Ilha do Retiro.


FICHA TÉCNICA: 
SANTOS 3 X 0 CHAPECOENSE

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 3 de setembro de 2015, quinta-feira
Horário: 19h30 (Horário de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ-CBF-2)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ-CBF-2) e Michael Correia (RJ-CBF-1)
Público: 8.047 pagantes
Renda: R$ 180.920,00
Cartões amarelos: Ananias (Chapecoense)

GOLS
SANTOS: Ricardo Oliveira, aos 13 minutos do primeiro tempo e aos 30 do segundo tempo. Geuvânio, aos 12 minutos do segundo tempo.
CHAPECOENSE: Neto, aos 37 minutos do segundo tempo. 

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato e Marquinhos Gabriel (Rafael Longuine); Geuvânio, Neto Berola (Léo Cittadini) e Ricardo Oliveira (Nilson).
Técnico: Dorival Jr

CHAPECOENSE: Danilo; Caramelo, Neto, Rafael Lima e Dener Assunção; Elicarlos, João Afonso (Cleber Santana), Neném (Bruno Silva) e Wagner e Tiago Luis; Ananias (Camilo)
Técnico: Vinícius Eutrópio

Fonte: Gazeta Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade